ChapterPDF Available

MATA MATO E NÃO MATA GENTE? A COMUNICAÇÃO DOS RISCOS DO GLIFOSATO NA LOGÍSTICA REVERSA DAS EMBALAGENS”

Authors:

Abstract

Resumo: Este artigo aborda a comunicação dos riscos do glifosato, feita por quatro fabricantes: Round up, Zavite, Atanor 48 e Nortox. Com base nas bulas desse produto, o agrotóxico mais vendido no mundo, analisa-se as instruções acerca da devolução das embalagens vazias pelo usuário final, que integra a cadeia da logística reversa. O estudo utiliza como procedimento metodológico a análise de conteúdo, e conta com o suporte do software Iramuteq. Os resultados apontam que os riscos são minimizados pelas agroquímicas, bem como as palavras “cuidado”, “risco” ou “perigo” estão ausentes na comunicação das possíveis ameaças que o glifosato pode trazer à saúde e ao meio ambiente Palavras-chave: Glifosato; Comunicação de Risco; Embalagem de Agrotóxico
A preview of the PDF is not available
ResearchGate has not been able to resolve any citations for this publication.
ResearchGate has not been able to resolve any references for this publication.