ArticlePDF Available

Eficiência de Protocolos para Extração de DNA com Bulbos e Sangue de Galinhas Caipiras

Authors:

Abstract

Vários protocolos são utilizados para a extração de DNA de tecidos vegetais e animais. De acordo com o material utilizado, alguns protocolos mostram-se eficazes por oferecer o produto da extração em maior quantidade e qualidade, não comprometendo as etapas seguintes. Neste sentido foi testado quatro diferentes métodos de extração de DNA, a partir de sangue total e bulbo de penas de galinhas locais (Gallus gallus domesticus) da Embrapa Meio-Norte, considerando a eficiência da extração, a quantidade, e qualidade do DNA extraído (concentração ng/µl, e razão de pureza (A260/280).
Eficiência de Protocolos para Extração de DNA com Bulbos e Sangue de
Galinhas Caipiras
Maurício Sérgio Ferreira Soares da Silva Júnior1; Alberto Alexandre de Sousa Borges2;
rvia Rafaelly Nunes Santos2; Vanessa Gomes de Moura3; Geice Ribeiro da Silva4;
Adriana Mello de Araújo5
1Estudante de Ciências Biológicas/IFPI, estagiário da Embrapa Meio-Norte, mauriciobuther@gmail.com
2Graduado(a) em Ciências Biológicas/IFPI, aalexandresb@gmail.com; 3Mestranda em Genética e
Melhoramento/UFPI, vanessag.moura28@gmail.com; 4Doutorando em Ciência Animal/UFPI,
geiceamb_bio@yahoo.com.br; 5Pesquisadora da Embrapa Meio-Norte, adriana.araujo@embrapa.br.
Vários protocolos são utilizados para a extração de DNA de tecidos vegetais e animais. De
acordo com o material utilizado, alguns protocolos mostram-se eficazes por oferecer o
produto da extração em maior quantidade e qualidade, não comprometendo as etapas
seguintes. Neste sentido, objetivou-se testar quatro diferentes métodos de extração de
DNA, a partir de sangue total e bulbo de penas de galinhas (Gallus gallus domesticus) da
Embrapa Meio Norte, considerando a eficiência da extração, a quantidade, e qualidade do
DNA extraído (concentração ng/µl, e razão de pureza (A260/280). Os métodos testados
foram: Hot SHOT (1), Precipitação Salina (2), Clorofórmio (3) e Extração de DNA com kit
comercial (Wizard® genomic DNA Purification Kit, Promega) (4). Os materiais biológicos
analisados foram 5µl de sangue total, e cinco a dez bulbos de penas coletados da base da
asa das aves, excetuando o protocolo 4, sendo ambos armazenados a temperatura de 4ºC.
As soluções de DNA extraídos foram submetidas à espectrofotometria de DNA
(NanoDrop® 2000c) e visualizadas em gel de agarose. O protocolo 1 com a utilização de
bulbos, apresentou concentração média de 113,81 ng/µl±, com valor de absorbância
(A260/280) abaixo de 1,8, com indícios de contaminação do DNA por proteínas, mas
obteve boa qualidade de visualização em gel de agarose. O mesmo protocolo utilizando
sangue, apresentou maior concentração média de DNA (325ng/µl±), mas manteve baixa
razão de absorbância (A). O protocolo 2 com sangue teve concentração média de
9,82ng/µl±, e com bulbo 21,14ng/µl±. A contaminação foi prevalente para os dois
materiais biológicos testados. O protocolo 3, a concentração média foi de 15,0 ng/µl± com
sangue, e 35,3 ng/µl± com bulbo, porém ambos apresentaram nível de pureza
comprometido, sendo indicado presença de fenóis no protocolo com sangue. O protocolo 4
(Wizard® genomic DNA Purification Kit, Promega), usado exclusivamente com sangue,
apresentou baixa concentração de DNA extraído (12,86 ng/µl±), porém a maior pureza
dentre os protocolos testados. Os resultados mostram que todos os protocolos testados
podem ser usados na extração de DNA eficientemente, entretanto, a quantidade de DNA é
maior no protocolo 1, com material biológico sangue. O Hot SHOT é um método com
baixo custo e facilidade de execução, tornando-se bastante útil para rotina laboratorial. Ele
também pode ser usado para extração de DNA de bulbos das penas, que é menos invasivo
ao animal, gerando resultados positivos por gerar quantidade e qualidade de DNA em
níveis satisfatórios para o uso em estudos genéticos.
Palavras-chave: DNA genômico, Gallus gallus domesticus, extração de DNA.
Agradecimentos: Christus Dominus, Embrapa Meio-Norte, Instituto Federal do Piauí.
ResearchGate has not been able to resolve any citations for this publication.
ResearchGate has not been able to resolve any references for this publication.