Article

Una psicología institucional de perspectiva clínica

Authors:
To read the full-text of this research, you can request a copy directly from the author.

Abstract

This text aims at addressing the thoughts of those who, for several decades, have been devoting themselves to the practice of intervention / research in the field of organizations. This practice is a clinical one insofar as it aims to clarify and understand latent conflicts; it´s clinical practice insofar as, by means of field-tested strategies, professionals involved assist institutional groups in the process of elucidating meanings concerning occurrences producing mental suffering; in addition it is clinical practice insofar as its explicit purpose is to contribute to the mental health and development of individuals who consult. Institutional psychology, positioned at the convergence of the subjective and the social, is a field for researchers who share, as the article states, an interest in the study of certain phenomena of a collective sort whilst acknowledging confrontation due to particular experiences in the field, which result in theoretical debates.

No full-text available

Request Full-text Paper PDF

To read the full-text of this research,
you can request a copy directly from the author.

... La necesidad de elaborar una definición unívoca de institución ha nutrido reflexiones en los más diversos campos pero a la postre se ha revelado como una tarea improbable y quizás imposible. Contar con una definición conceptual transdisciplinada nunca fue entendida como una prioridad en ningún campo (Acevedo, 2016). La difuminación de los fronteras disciplinares y los sucesivos trasvasamientos de conceptos y teorías que se han operado en el último siglo han multiplicado tanto la polisemia del término institución como sus posibilidades de uso. ...
... The need to elaborate a univocal definition of institution has nourished reflections in the most diverse fields but in the end it has been revealed as an improbable and perhaps impossible task. Having a transdisciplinary conceptual definition was never understood as a priority in any field (Acevedo, 2016). The blurring of disciplinary boundaries and the successive transfers of concepts and theories that have taken place in the last century have multiplied both the polysemy of the term institution and its possibilities of use. ...
Conference Paper
Full-text available
Los estudios teóricos, estructurales y funcionales de las instituciones presentan una extensa tradición en Occidente alimentando las reflexiones históricas así como en la filosofía política, la sociología, el Derecho y más recientemente también en psicología (Meyer & Rowan, 1977; March & Olsen; 2006; Lourau, 1990). La necesi- dad de elaborar una definición unívoca de institución ha nutrido reflexiones en los más diversos campos pero a la postre se ha re- velado como una tarea improbable y quizás imposible. Contar con una definición conceptual transdisciplinada nunca fue entendida como una prioridad en ningún campo (Acevedo, 2016). La difumi- nación de los fronteras disciplinares y los sucesivos trasvasamien- tos de conceptos y teorías que se han operado en el último siglo han multiplicado tanto la polisemia del término institución como sus posibilidades de uso. Atentos a esto se procura aquí actualizar conceptualmente esta cuestión. Palabras clave Instituciones - Institucionalismo - Organizaciones - Implicación
... Sobre a primeira etapa do trabalho de diagnóstico denominamos observação participante e teve por objetivo o início da construção dos dados que serviram como base integrante do diagnóstico institucional. Nesse sentido, a observação visou promover uma diluição das resistências ao trabalho favorecendo uma aproximação e a construção de uma transferência de trabalho entre a instituição analisada e os membros da equipe da Comissão; até porque uma proposta de atuação institucional pode gerar resistências fortíssimas em alguns grupos (Acevedo, 2016). A transferência, empatia e confiança entre as partes são de extrema importância para que o trabalho de diagnóstico e, posteriormente, o trabalho de intervenção possa ser realizado com o mínimo de resistência possível. ...
Article
Full-text available
Este artigo tem por objetivo relatar a atuação de uma equipe multiprofissional de promoção de saúde institucional em um curso de graduação do tipo bacharelado, especificamente um bacharelado “não-engenharia”, em uma Instituição Federal de Ensino Superior (IFES) no sul do Brasil. Almejando alcançar o objetivo proposto, é apresentado um recorte da prática de diagnóstico institucional realizada no primeiro semestre do ano de 2019 pela Comissão de Saúde Institucional da IFES em tela especificando as etapas de observação participante, entrevistas e elaboração da hipótese diagnóstica e proposta de intervenção. Nessa experiência, pudemos concluir que é possível a realização de um trabalho de saúde institucional pautada nos pressupostos da Psicologia Institucional a ser desenvolvido por uma equipe multiprofissional e construída com membros de uma mesma organização, porém com algumas ressalvas. Ressaltamos, entre elas, a importância do estudo teórico contínuo, reuniões permanentes da equipe executora e uma supervisão capacitada para que a equipe não se identifique com o sintoma a ser estudado, com o sofrimento, tampouco os fenômenos de grupo da instituição a ser diagnosticada.
ResearchGate has not been able to resolve any references for this publication.