ArticlePDF Available

EXPANSÃO URBANA NO MUNICÍPIO DE PINDAMONHANGABA, SP: QUESTÔES DE ESTUDO DO PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL

Authors:

Abstract

O artigo trata da expansão urbana do município de Pindamonhangaba (SP), no contexto da urbanização do Vale do Paraíba paulista, nas imediações da Rodovia Presidente Dutra. Promovendo o crescimento da área urbanizada, a expansão urbana se desenvolve segundo um modelo específico do tecido urbano, resultando em uma configuração de cidade mais ou menos compacta ou dispersa. A expansão urbana acarreta diversas mudanças na estrutura espacial da cidade, podendo criar problemas para a vida social urbana, e por isso, é pensada e questionada em sua relação com o planejamento urbano e regional. Por meio de um controle público e social, deve-se evitar que a expansão urbana agrave os problemas pré-existentes, ou crie novos problemas. O artigo traz uma caracterização de Pindamonhangaba, correlacionada a uma leitura da expansão urbana, ocorrida nas últimas quatro décadas, e a uma breve discussão sobre as relações entre o modelo da expansão urbana e questões de estudo do planejamento urbano e regional, na perspectiva de ordenação territorial e urbana fundada no interesse público, no interesse de todos e do espaço de todos.
25
Revista Univap revista.univap.br
São José dos Campos-SP-Brasil, v. 22, n. 40, Edição Especial 2016. ISSN 2237-1753
EXPANSÃO URBANA NO MUNICÍPIO DE PINDAMONHANGABA, SP: QUESTÔES
DE ESTUDO DO PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL
Pedro da Silva Corrêa
1
Daniel José de Andrade
2
Cilene Gomes
3
Resumo: O artigo trata da expansão urbana do município de Pindamonhangaba (SP), no contexto da
urbanização do Vale do Paraíba paulista, nas imediações da Rodovia Presidente Dutra. Promovendo o
crescimento da área urbanizada, a expansão urbana se desenvolve segundo um modelo específico do
tecido urbano, resultando em uma configuração de cidade mais ou menos compacta ou dispersa. A
expansão urbana acarreta diversas mudanças na estrutura espacial da cidade, podendo criar problemas
para a vida social urbana, e por isso, é pensada e questionada em sua relação com o planejamento urbano
e regional. Por meio de um controle público e social, deve-se evitar que a expansão urbana agrave os
problemas pré-existentes, ou crie novos problemas. O artigo traz uma caracterização de
Pindamonhangaba, correlacionada a uma leitura da expansão urbana, ocorrida nas últimas quatro décadas,
e a uma breve discussão sobre as relações entre o modelo da expansão urbana e questões de estudo do
planejamento urbano e regional, na perspectiva de ordenação territorial e urbana fundada no interesse
público, no interesse de todos e do espaço de todos.
Palavras-chave: Expansão urbana; Planejamento urbano e regional; Interesse público.
1
Curso de Arquitetura / Universidade do Vale do Paraíba, Brasil. E-mail: p.correa.leite@hotmail.com.
2
Doutorado em Planejamento Urbano e Regional / Universidade do Vale do Paraíba, Brasil. E-mail:
logan_k29@hotmail.com.
3
Programa de Pós-Graduação em Planejamento Urbano e Regional /Universidade do Vale do Paraíba, Brasil. E-
mail: cilenegs@univap.br.
ResearchGate has not been able to resolve any citations for this publication.
ResearchGate has not been able to resolve any references for this publication.