Article

Revista da FAEEBA. Educação e Contemporaneidade

Authors:
To read the full-text of this research, you can request a copy directly from the author.

Abstract

Musica e educação. uma relação interdisciplinar e pluricultural

No full-text available

Request Full-text Paper PDF

To read the full-text of this research,
you can request a copy directly from the author.

Article
Full-text available
O presente estudo aborda a implicação do discurso docente na educação contemporânea e, a partir de um estudo bibliográfico, inscreve-se a noção de professor-sujeito, discurso docente e a relação transferencial. Estes conceitos - ao enlaçar-se com os discursos lacanianos e a complexidade moriniana – contribuem em grande medida para apreensão de novos atalhos com vistas ao ato de ensinar. Assim, constatou-se que o discurso docente revela complexidades pelo dizer e “semidizer” (ou “não dito”) em sala de aula, transmutando-se em novas maneiras de estar no ambiente escolar. Nesse aspecto, percebeu-se que a fala do professor-sujeito tem “um mais além”, o que possibilita a escuta e discurso pedagógicos no ato educativo.
Article
Full-text available
p class="Normal1">As representações fílmicas apresentam em seu bojo simbologias capazes de representar as reflexões dicotômicas que integram a sociedade. Este artigo objetiva analisar o filme de animação “Os sem floresta”, no que diz respeito à sustentabilidade, com suporte na interação entre animais, os quais perderam parte do seu habitat florestal em virtude da construção de um condomínio residencial; e seres humanos, residentes dessa propriedade. Para a análise, realizou-se estudo observacional com suporte na linguagem fílmica, numa abordagem qualitativa, fundamentada no conceito de sustentabilidade. Como desdobramento da análise, infere-se que diante busca pela harmonia indivíduo-ambiente, o desenvolvimento sustentável se apresenta como um processo de mudança em que a exploração de recursos, a direção dos investimentos, a orientação do desenvolvimento tecnológico e a mudança institucional podem estar em harmonia quando reforça o potencial atual e futuro para atender às necessidades humanas e aspiração. Para o futuro, sugere-se que o tema seja discutido de um lugar não comum, sendo uma tarefa não alcançada por esse artigo. Acredita-se que a educação ambiental possa processar o desenvolvimento pelo sustentável e não o inverso. Um caminho alternativo pode ser a construção valorativa que subjaz as ações subjetivas sobre as questões socioambientais discutidas.</p
Article
p> Esta pesquisa foi desenvolvida entre junho e outubro de 2014 e objetivou-se analisar a prática docente vivenciada nas escolas da rede municipal de Cruz das Almas em relação à temática Educação Ambiental em disciplinas de Ensino Fundamental nos anos finais tendo como referências os PCN (BRASIL, 1998) e a PNEA (BRASIL, 1999). A metodologia utilizada para análise na pesquisa foi qualitativa do tipo estudo de caso, através da aplicação de questionário a professores que lecionam do sexto ao nono ano do ensino fundamental de três escolas públicas da rede municipal, além disso, foi realizada entrevista informal com uma representante de cada escola e entrevista semiestruturada com uma representante da secretaria de educação do município. Um dos resultados apontou que a Educação Ambiental é inserida como disciplina no currículo de algumas escolas, entretanto acredita-se que essa abordagem deva ser feita a partir de um viés interdisciplinar. </p
ResearchGate has not been able to resolve any references for this publication.