Article

A periodização do desenvolvimento psicológico individual na perspectiva de Leontiev, Elkonin e Vigostski

Cadernos CEDES 04/2004; 24(62). DOI: 10.1590/S0101-32622004000100005
Source: DOAJ

ABSTRACT

Este estudo se propõe a analisar algumas contribuições da psicologia de Leontiev, Elkonin e Vigotski no campo da psicologia do desenvolvimento, mais especificamente a questão da periodização da ontogênese humana. Leontiev e Elkonin, seguindo a linha sócio-histórica ou histórico-cultural iniciada por Vigotski, desenvolveram as bases de uma psicologia do desenvolvimento que superasse o enfoque naturalizante tão forte nesse campo. Segundo eles cada período do desenvolvimento individual humano é caracterizado por uma atividade principal, ou atividade dominante, a partir da qual se estruturam as relações do indivíduo com a realidade social. São analisados também os períodos que Leontiev e Elkonin detectaram no desenvolvimento dos indivíduos nas condições sociais da USSR.

  • Source
    • "Propõe a periodização do desenvolvimento, caracterizada em cada fase por uma atividade-guia por meio da qual se organiza a relação entre o indivíduo e o mundo social (Facci, 2004), sendo o jogo de papéis a atividade-guia da idade pré-escolar. Lazaretti (2011) aponta que, da triangulação entre o método histórico, a atividade e a relação entre criança e sociedade, Elkonin evidenciou a origem histórica da brincadeira e suas fases no desenvolvimento individual, e denominou de jogo protagonizado a forma mais desenvolvida de brincadeira na idade pré-escolar. "
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: El artículo es un estudio bibliográfico que analiza las tesis centrales de la Teoría Histórico-Cultural del Juego desarrollada por D.B. Elkonin y colaboradores. El objetivo es identificar elementos que puedan subsidiar la organización de la educación en la infancia teniendo el juego como actividad-guía. Las tesis constituyen una sólida teoría sobre el juego infantil y presentan como elementos originales la concepción histórica de aparición del juego y su carácter social en la ontogenia. Se concluye que para la Teoría Histórico-Cultural del Juego el eje de una educación inicial en la infancia que tiene en cuenta el juego como actividad-guía debe incidir sobre la presentación de varias esferas de la vida social y del contenido de las actividades humanas. Se entiende que el objetivo de la intervención pedagógica en el juego protagonizado es el desarrollo del papel social representado. Se argumenta que el juego protagonizado no debe oponerse a otras actividades y tampoco debe ser considerado como actividad a preponderar sobre las demás.
    Preview · Article · Jun 2014
  • Source
    • "O objetivo deste ensaio é analisar as relações entre a maturação e o desenvolvimento, apontando os limites das explicações biologicistas dos fenômenos humanos e as possibilidades da explicação elaborada pela teoria histórico-cultural de Vigotski e seus colaboradores para a organização do trabalho escolar. Ressalta-se que outros autores elaboraram sínteses das concepções sobre desenvolvimento e aprendizagem advindos da teoria histórico-cultural, como, por exemplo, Facci (2004), Teixeira (2003), Chaiklin (2011) e Pasqualini (2009), entre outros. No entanto, o enfoque deste artigo está no conceito de maturação e em como tal conceito tem permeado a prática pedagógica. "
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: The idea of “mature development” is based, frequently, on explanations of school failure: the student does not learn because he is immature and the school has to wait until he gets “mature.” When one says that a child is not mature compared to the development already attained by an adult, one focuses only the quantitative differences between them and forgets that these new qualities of the adult did not arise by the maturation, but by the permanent appropriation process of the human culture. Thus, this idea of “maturity of development” expresses a deep biologization of the human being, reducing social and educational problems explanation to the biological apparatus of the individual. The purpose of this essay is to analyze the relationship between maturation and development, pointing out the limits of biologists' explanations of human phenomena and the possibilities of explanation formulated by the historical-cultural theory to the organization of pedagogical work. This concept gives a new configuration to the role of maturation in the learning process and gives the school education a central role in the development of higher psychological functions. Thus, the school does not have to wait for the child's maturation. Rather, it is its duty to create conditions for his/her maturation to become effective.
    Preview · Article · Dec 2012
  • Source
    • "possível ao autor concluir sua teoria do desenvolvimento psíquico; contudo, suas proposições constituem um evidente esforço de construção de categorias e de uma metodologia de análise do desenvolvimento infantil na perspectiva histórico- dialética. Para Facci (2004), " Leontiev e Elkonin, seguindo a linha sócio-histórica ou histórico-cultural iniciada por Vigotski, desenvolveram as bases de uma psicologia do desenvolvimento que superasse o enfoque naturalizante tão forte nesse campo. " (p.64). "
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: This paper presents an analysis of the child development's stages under the historic-cultural perspective. The principles and fundamentals which should support periodization of child development according to Vigotski are presented, seeking to highlight the historical and dialectical character of his propositions. The paper also briefly presents Leontiev and Elkonin important contributions to this issue. Initially, the importance of an historic approach to child development is discussed, emphasizing the relationship between child and society and the concrete historic conditions as determiners of the child development process. Then, the fundamentals of age periodization in child development proposed by Vigotski are introduced, pointing the relationship between his propositions and the principles of the dialectical method. Next, the periods of child development provisionally identified by Vigotski are presented, followed by Leontiev and Elkonin analysis of periodization in child development from the category of main activity.
    Preview · Article · Mar 2009 · Psicologia em Estudo
Show more