Article

M-AVA: Modelo de Adaptabilidade para Ambientes Virtuais Móveis de Aprendizagem

Faculdade de Computação, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Caixa
11/2009; 1(1).

ABSTRACT

With the increasing use of telecommunications services and mobile devices capable of providing mobility, mobile computing is an extension to provide distance education via computers, contributing to ease of access to learning without time and place predefined. For this to happen effectively, it is necessary to establish rules for the adaptability of Virtual Learning Environments (VLEs) to existing mobile devices. In this paper a model is defined, called M-AVA, which establishes the essential elements for that and the necessary cooperation among them to provide adaptability from VLEs to mobile devices, using and complementing existent techniques in the literature. Additionally guidelines were defined to guide the use of the proposed model. Resumo. Com a crescente oferta do uso dos serviços de telecomunicações e de dispositivos móveis capazes de possibilitar a mobilidade, a computação móvel vem fornecer uma extensão para a educação a distância, contribuindo para a facilidade de acesso ao aprendizado sem hora e local pré-estabelecidos. Para que isso aconteça de forma efetiva, é necessário que se estabeleçam regras para a adaptabilidade de Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVAs) existentes para dispositivos móveis. Neste artigo é definido um modelo, denominado M-AVA, que estabelece os elementos essenciais e a colaboração necessária entre eles para prover adaptabilidade de AVAs para dispositivos móveis. Adicionalmente foram definidas diretrizes para guiar o uso do modelo proposto.

Download full-text

Full-text

Available from: Marilia Abrahão Amaral
  • Source
    • "Dentre os trabalhos brasileiros, podemos citar Bartholo [9] e Barbosa [10]. O primeiro estabeleceu elementos e diretrizes para apoiar a adaptação de ambientes virtuais de aprendizagem para dispositivos móveis. "

    Preview · Article · Apr 2012
  • Source
    • "Na literatura pode-se encontrar vários trabalhos, os quais visam demonstrar aplicações viáveis no contexto de dispositivos móveis. Algumas consistem na adaptação de sistemas EAD diretamente via dispositivo, onde basicamente são feitas adaptações de dimensões de tela e conteúdos, e até mesmo limitações de funcionalidades, permitidas no sistema para desktop, porém não suportados pelos dispositivos móveis [2]. Outra forma utilizada é através de mensagens de texto (SMS) onde se pode, por exemplo, responder pequenos questionários, não sendo esta forma muito viável devido aos custos relacionados a esse tipo de comunicação ou ainda através de aplicações desenvolvidas especificamente para que o aluno possa ter acesso ao conteúdo didático e testar seus conhecimentos através de questionários [1] [6]. "

    Full-text · Article ·