Marcelo Demarzo

Marcelo Demarzo
Universidade Federal de São Paulo | UNIFESP · Departamento de Medicina Preventiva

Professor MD PhD
Professor of Preventive Medicine and Director, Mente Aberta - Brazilian Center for Mindfulness and Health Promotion

About

224
Publications
166,971
Reads
How we measure 'reads'
A 'read' is counted each time someone views a publication summary (such as the title, abstract, and list of authors), clicks on a figure, or views or downloads the full-text. Learn more
3,044
Citations
Introduction
Professor of Preventive Medicine and Director, Mente Aberta - Brazilian Center for Mindfulness and Health Promotion - Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo, Brazil (https://mindfulness.unifesp.br/)
Additional affiliations
July 2016 - December 2018
Hospital Israelita Albert Einstein
Position
  • Principal Investigator
July 2010 - present
Universidade Federal de São Paulo
Position
  • Professor (Associate)
Education
January 2018 - December 2018
Universidade Federal de São Paulo
Field of study
  • Preventive Medicine
March 2003 - May 2005
University of São Paulo
Field of study
  • Pathology

Projects

Projects (15)
Project
This projects aims to evaluate the effect of a Mindfulness-Based Intervention on the Quality of Life assessed by the WHOQOL-Bref and WHOQOL-old of older adults in a neighborhood in São Paulo. Our secondary outcomes are cognitive functions (assessed by Montreal Cognitive Assessment - MoCA), mindfulness level (MAAS), self-compassion (Self-Compassion Scale), psychological health (DASS-21), sleep quality (Pittsburgh Sleep Quality Index) and religiosity (The Duke University Religion Index - DUREL).
Project
Nas últimas décadas, o mundo tem presenciado um aumento significativo na ocorrência de doenças ocupacionais relacionadas ao ambiente escolar, dentre elas destaca-se à síndrome de Burnout (síndrome de esgotamento profissional), que compromete a saúde mental e a atividade docente. Atualmente, as intervenções baseadas em mindfulness (atenção plena) têm sido recomendadas no ambiente escolar auxiliando o educador a aprimorar a inteligência emocional e as funções cognitivas, melhorando a percepção do estado emocional, autoconhecimento, aprimorando o traço de mindfulness e reduzindo os sintomas de ansiedade e depressão. Dessa forma, reduz o estresse crônico e promove maior qualidade de vida. Estudos apontam que meditadores à longo prazo apresentaram redução de biomarcadores relacionados ao mecanismo inflamatório como, ciclooxiganase 2 (COX2), interleucina 6 (IL-6), fator de necrose tumoral alpha (TNF-α) e também da enzima histona desacetilases (HDAC), que estão envolvidos no estresse crônico. O objetivo geral desse projeto é avaliar o impacto do Programa de Promoção da Saúde Baseado em Mindfulness para o educador (MBHP-educa) na qualidade de vida e nas funções cognitivas. Ainda, pretende-se investigar o mecanismo epigenético na cognição e no estresse. Um ramo promissor na análise refinada do discurso (uma aplicação da Teoria dos Grafos) tem sido aplicado com resultados encorajadores tanto na avaliação de estrutura discursiva de indivíduos normais quanto acometidos de comprometimento cognitivo, e será testada como método para recolha mais precisa de elementos narrativos dos educadores. A pesquisa contribuirá com a discussão das políticas públicas para a promoção da atenção à saúde destinadas ao educador brasileiro. MCTIC/CNPq - Número do processo: 424329/2018-2