Lino Guerreiro

Lino Guerreiro
Universidade de Évora | uevora · Department of Music

Master of Arts | Master of Education

About

3
Publications
71
Reads
How we measure 'reads'
A 'read' is counted each time someone views a publication summary (such as the title, abstract, and list of authors), clicks on a figure, or views or downloads the full-text. Learn more
0
Citations
Citations since 2016
3 Research Items
0 Citations
20162017201820192020202120220.00.51.01.52.0
20162017201820192020202120220.00.51.01.52.0
20162017201820192020202120220.00.51.01.52.0
20162017201820192020202120220.00.51.01.52.0
Introduction
Lino João Vidal Guerreiro is currently studying at the Music Department of the University of Évora. Lino does research in Musicology, Musical Composition and Performing Arts.
Additional affiliations
October 2022 - November 2022
Instituto Politécnico de Leiria - Escola Superior de Educação e Ciências Sociais
Position
  • Professor (Assistant)
Description
  • Analysis of specific repertoire | Orchestration, transcription and arrangement
September 2020 - present
Orquestra Metropolitana de Lisboa
Position
  • Managing Director
Description
  • Director of Studies at Escola Profissional Metropolitana.
September 2014 - December 2020
Orquestra Metropolitana de Lisboa
Position
  • Professor
Description
  • Professor of Analysis and Composition Techniques, Music Theory and Analysis, Chamber Music.
Education
September 2009 - February 2012
Instituto Politécnico de Lisboa
Field of study
  • Musical Composition & Education

Publications

Publications (3)
Preprint
Full-text available
A criação musical tem evoluído ao longo dos últimos anos, apontando cada vez mais para uma perspetiva de multiplicidade, que, em si se encontra em constante desenvolvimento, fazendo com que a criação musical, seja em grande parte resultado das inúmeras relações e interações entre os diferentes agentes envolvidos num processo desta natureza. Estes a...
Preprint
Full-text available
A criação musical tem evoluído ao longo dos últimos anos, apontando cada vez mais para uma perspetiva de multiplicidade, que, em si se encontra em constante desenvolvimento, fazendo com que a esta, seja em grande parte resultado das inúmeras relações e interações entre os diferentes agentes envolvidos num processo desta natureza. Estes agentes pode...
Article
Full-text available
Os avanços nas últimas décadas das tecnologias da informação e computação têm operado mudanças na socie-dade contemporânea idênticas e de igual significância às da época da revolução industrial. Nos dias de hoje, os meios digitais e a computação estão presentes em todas as esferas da nossa vida. Todos os instantes da nossa exis-tência podem ser rel...

Network

Projects

Project (1)
Project
As práticas e competências do compositor do séc. XXI, vão muito além da composição propriamente dita, em grande parte devido ao desenvolvimento tecnológico cada vez mais enraizado na sociedade atual. Talvez pelas mesmas razões, a criação musical tem evoluído ao longo dos últimos anos apontando cada vez mais para uma perspetiva de multiplicidade. Estes e outros aspetos fazem com que o próprio conceito de compositor, não seja estanque. Atualmente o compositor vê-se obrigado “reinventar-se” à medida do que lhe é “exigido”. A relação entre aquele que aprende e quem ensina é objeto de estudo corrente em todas as áreas do conhecimento. A arte em geral não é exceção, e muito menos será a arte musical. É sempre vontade de um determinado aprendiz, consciente, poder vir a ter a orientação de determinado mestre, reconhecido. Basta considerarmos a aprendizagem de um instrumento musical, onde a intenção de estudar com um professor de renome internacional, faz, regra geral, parte dos planos de um aluno de instrumento. Da mesma forma, na composição musical este fenómeno sempre existiu. Concetualiza-se assim o compositor-pedagogo e discutem-se as práticas pedagógicas e os conteúdos ensinados no atual contexto musical e tecnológico. São pertinentes, a exigir tratamento e reflexão, questões como: Quais as competências indispensáveis ao compositor do séc. XXI? No âmbito da multiplicidade intrínseca à criação musical, quais as fronteiras entre o compositor, o produtor, e o intérprete? Faz sentido manter práticas pedagógicas mais antigas, mediante todo o desenvolvimento tecnológico, e meio musical atual? Atualmente, o que deve o compositor-pedagogo ensinar aos seus aprendizes? O trabalho de investigação a realizar – de que se identifica neste documento uma bibliografia de base, caraterizadora do estado da arte, e se apresenta o plano de trabalho, que decorrerá entre janeiro de 2021 e dezembro de 2022, bem como os outputs – procura responder a estas e outras questões igualmente relacionáveis, estabelecendo um paralelo entre as práticas do compositor do séc. XXI e as práticas pedagógicas do compositor-pedagogo. Palavras chave: Composição; Produção; Tecnologia; Pedagogia.