Igor Castellano da Silva

Igor Castellano da Silva
Universidade Federal de Santa Maria · Department of Economics and International Relations

PhD in International Strategic Studies, MA in Political Science, BA in International Relations

About

48
Publications
9,961
Reads
How we measure 'reads'
A 'read' is counted each time someone views a publication summary (such as the title, abstract, and list of authors), clicks on a figure, or views or downloads the full-text. Learn more
60
Citations
Introduction
Igor Castellano is an Associate Professor of the Department of Economics and International Relations at the Federal University of Santa Maria (UFSM), Brazil. Currently, he is the coordinator of the Graduate Program in International Relations and researcher at the Study Group on State Capacity, Security and Defence, both at UFSM. His research interests are State capacity, war, and international security in Africa and South Atlantic regions.
Additional affiliations
June 2014 - present
Universidade Federal de Santa Maria
Position
  • Professor (Associate)
Description
  • Courses taught: Advanced International Relations Theory International Security Contemporary International Politics International Relations of Africa International Relations of Middle East Security and Defense of Brazil and its Strategic Environment
January 2014 - present
Universidade Federal de Santa Maria
Position
  • Senior Researcher
Description
  • Coordinator of the Study Group on State Capacity, Security and Defence (GECAP)
Education
December 2012 - July 2013
University of Johannesburg
Field of study
  • International Relations
March 2011 - July 2015
Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Field of study
  • International Strategic Studies

Publications

Publications (48)
Article
Full-text available
This article argues how Brazil can contribute for the formation of the National Army and construction of the African states by means of an embryonic particular model of international insertion, based on a specific concept of human rights and on the International Technical Cooperation. This possibility can be extended in the case of the Congo.
Article
Full-text available
Between 1975 and 1988, the Southern African regional system was marked by high levels of systemic conflict involving direct and indirect armed confrontation between South Africa and its neighbours. This reality sharply contrasts with the co-operative environment that has gradually formed since 1989. Following the trends towards deepening and wideni...
Article
Full-text available
The article addresses Angola's foreign policy towards Southern Africa (1975-2010) and assesses its posture facing the changing order of the regional system and explanations for such behavior, linked to the process of construction of the State and the interests and security of the elites that define foreign policy.
Article
Full-text available
RESUMO As guerras africanas têm sido amplamente descritas como um fenômeno apolítico, doméstico e localmente restrito. Todavia, tais narrativas não se sustentam após análises mais robustas de dados empíricos, mediante o uso de conceitos capazes de equilibrar generalidade teórica e particularidade dos casos. O défice analítico sobre as guerras na Áf...
Article
Full-text available
The article addresses the transformations in the process of development and acquisition of defense products, as well as the institutional reorganization of States, in order to deal with technological innovation and the strengthening of the private sector. The work contributes to the debate on state capacities by discussing the need to adapt the rol...
Article
Full-text available
Há décadas existem discussões sobre a separação entre religião e política e religião e esfera pública que focam sobretudo nos limites desse mito moderno e nas possibilidades de coexistência dessas esferas no mundo contemporâneo. No entanto, pouco se explora sobre origens filosóficas de visões intermediárias, que concebem a inevitável influência do...
Article
Full-text available
O presente estudo se propõe a colaborar com a discussão interdisciplinar sobre as origens da concepção de direitos humanos e busca alternativas e possibilidades para a reconstrução de suas concepções dominantes. O argumento sustentado, informado pela teoria neogramsciana das Relações Internacionais, é que a concepção ocidental de direitos humanos,...
Chapter
Full-text available
O capítulo está dividido em três seções. A primeira aborda as diversas perspectivas teóricas quanto à economia da inovação e os processos históricos sob os quais tais fenômenos podem ser observados, retomando modelos como sistemas de inovação e tríplice hélice. A segunda seção busca propor uma abordagem complementar à perspectiva da tríplice hélice...
Chapter
Full-text available
Que fatores influenciam o sucesso de arranjos produtivos locais na tarefa de desenvolvimento e difusão tecnológica? Como instituições políticas, econômicas e sociais afetam esses processos em diferentes contextos? Que particularidades os arranjos produtivos no setor da defesa experimentam em seu desenvolvimento? Como, e em que medida, as respostas...
Chapter
Full-text available
O objetivo geral é compreender como os arranjos institucionais organizam-se para possibilidade de geração e difusão de inovações tecnológicas, considerando o escopo de atuação do Polo de Defesa e Segurança de Santa Maria. Os objetivos específicos são: i) compreender como inovações tecnológicas para defesa surgem, considerando o modelo sistêmico e o...
Chapter
Full-text available
Após considerações sobre a indústria de defesa e segurança circunstanciada pelas principais fases do capitalismo industrial, apresentam-se ensinamentos teóricos, sobre firmas, dos neoclássicos, em sua versão disseminada em manuais de economia, da teoria dos custos de transação (TCT), da teoria do crescimento da firma, de Edith Penrose, e, por fim,...
Chapter
Full-text available
Sem diagnóstico e avaliação por profissionais capacitados para o estudo de políticas públicas no setor econômico, especificamente em defesa e segurança, as políticas públicas ficam à mercê da sorte, algo, além de excessivamente arriscado, inviável, sobretudo para países em desenvolvimento que dispõem de escassos recursos para investimentos dessa en...
Article
Full-text available
O presente estudo avalia a relação entre unidades sistêmicas, a partir das características e aspectos formativos dos Estados, e estruturas sistêmicas profundas, na configuração do sistema regional sul-americano no período pós-independência (1810-2010). Nossa hipótese é que as evoluções e mudanças pelas quais passam os sistemas regionais parecem est...
Article
Full-text available
Esta pesquisa trata do processo de construção do conhecimento em Relações Internacionais (RI). Direciona-se à análise da construção de Teorias de Relações Internacionais (TRI) do Sul Global, e mais especificamente, do Brasil no século XXI. O objetivo principal é compreender o processo de teorização em Relações Internacionais no país a partir da aná...
Article
Full-text available
O objetivo deste trabalho é verificar como as relações de gênero, que são configuradas por relações de poder, podem afetar a formação de um mercado de trabalho desigual. Esse questionamento surge da discussão de que as estruturas das relações sociais se transformam ao longo do tempo, assim como a estrutura do mercado de trabalho altera-se devido a...
Article
Full-text available
A atuação recorrente das Forças Armadas (FA) na seara da segurança pública no Brasil contemporâneo tem chamado atenção nos últimos anos, sobretudo por não ser responsabilidade constitucional originária das FA atuar nesse âmbito. O presente artigo visa compreender o contexto que envolve o papel de atuação das FA no Brasil em casos de operações de Ga...
Chapter
Full-text available
The increasing levels of maritime insecurity in African coasts have like one main cause the continent’s continuous state of war. The chapter formulates a conceptual framework that correlates the dyadic relationship between the African way of warfare and the African states’ shortcomings. That involves the increasingly significant presence of irregul...
Article
Full-text available
Em um contexto de ampliação de pesquisas sobre a relevância de regiões e potências regionais na ordem internacional contemporânea, importa compreender as possibilidades de avaliação da política externa regional de Estados sob ponto de vista interacional. O artigo procura avaliar os avanços recentes dos estudos do novo regionalismo e da análise de p...
Cover Page
Full-text available
Resumo: Guiné-Bissau ficou independente em 1973 e adotou o modelo econômico de planificação centralizado, baseado no ideal socialista. Porém, em meados da década de oitenta marcou a transição para o capitalismo de mercado. O objetivo deste estudo é discutir a mudança estrutural do socialismo para o capitalismo ocorrida no país tendo como referencia...
Article
Full-text available
Guiné-Bissau ficou independente em 1973 e adotou o modelo econômico de planificação centralizado, baseado no ideal socialista. Porém, em meados da década de oitenta marcou a transição para o capitalismo de mercado. O objetivo deste estudo é discutir a mudança estrutural do socialismo para o capitalismo ocorrida no país tendo como referencial teóric...
Chapter
Full-text available
O uso indiscriminado do que vem a ser uma Guerra Cibernética, o atrelamento crescente das tecnologias com Infraestruturas Críticas, as quais nem sempre estão em mãos estatais, e a falta de um consenso internacional sobre o que vem a ser esse fenômeno, levou a uma pesquisa conceitual do termo, nos moldes da proposta de Sartori (1984) de conceituação...
Chapter
O presente estudo é parte provisória de um projeto de pesquisa mais amplo, o qual adota abordagem hipotético-dedutiva com procedimento de estudo de caso envolvendo comparações internas múltiplas em perspectiva histórica e técnica de pesquisa bibliográfica e uso de fontes primárias, incluindo banco de dados e documentos obtidos em pesquisa de campo....
Book
Full-text available
Nos últimos quarenta anos, a África Austral transitou da guerra sistêmica para a crescente integração. O que explica essa mudança nos níveis de cooperação e conflito? O livro propõe que, ao contrário da explicação corrente, a causa mais direta não se situa simplesmente nas ações das potências globais ou da potência regional, a África do Sul. A caus...
Article
Full-text available
O aprofundamento da política externa africana do Brasil assumiu contornos claros no governo Geisel (1974-1979), que a submetia aos interesses do processo de substituição de exportações e a emoldurava em discurso culturalista de reforço ao mito da democracia racial, claramente descolado das demandas do movimento negro. No governo Lula (2003-2010), o...
Article
Full-text available
The article addresses Namibia’s foreign policy to Southern Africa focusing on the period between 1990 and 2010 and evaluates its position in face of the order of the regional system and the explanations for this behavior, connected to the State building process and to the interests and security of the defining elites of foreign policy.
Article
Full-text available
O artigo aborda a política externa da Namíbia para a África Austral com foco no período 1990-2010 e avalia a sua posição frente à ordem do sistema regional e as explicações para esse comportamento, vinculadas ao processo de construção do Estado e aos interesses e à segurança das elites definidoras de política externa.
Chapter
Full-text available
O artigo aborda conexões macro-históricas entre religiosidade e política externa, mediante o papel desempenhado pela cultura nacional. Por meio do estudo dos casos de Estados Unidos e Brasil, avalia-se a associação de fatores simbólicos da percepção sobre justiça, violência e devir presentes na religiosidade (estudo de mitos fundadores e religiões...
Book
Pode-se constatar atualmente a abertura de um período mais propício a construção de Estado na África. Isso sugere uma tendência de ampliação do campo de estudo sobre África no Brasil, haja vista o crescente protagonismo do continente nas relações internacionais e na política externa brasileira. Este livro procura contribuir para esse profícuo cami...
Article
Full-text available
O artigo aborda a política externa de Angola para a África Austral (1975-2010) e avalia a sua posição frente à ordem do sistema regional em transformação e as explicações para esse comportamento, vinculadas ao processo de construção do Estado e aos interesses e segurança das elites definidoras de política externa.
Article
Full-text available
A região da África Austral parece se diferenciar do restante da África Subsaariana devido ao processo mais avançado de construção estatal de alguns países da região e pela existência de rivalidades interestatais históricas. Nesse contexto, este trabalho avalia o Complexo Regional de Segurança (CRS) da África Austral na última década e contraria a c...
Article
Full-text available
The Southern Africa region seems to differ from the rest of sub-Saharan Africa due to the advanced process of state-building of some countries in the region and the existence of historical interstate rivalries. In this context, this study evaluates the Regional Security Complex (RSC) in Southern Africa over the last decade and contradicts the chara...
Article
Full-text available
Este artigo procura abordar a relação entre o conceito de Estado de Direito e a trajetória de aquisição de direitos na América Latina, relacionando as particularidades desse caso com o modelo ocidental (europeu e norte-americano) e discutindo as alternativas geradas pela noção de Estado Democrático de Direito frente às deficiências do processo lati...
Article
Full-text available
Discute-se como o Brasil pode contribuir para a formação do Exército nacional e construção dos Estados africanos mediante um modelo próprio de inserção internacional em gestação, baseado em um conceito particular de direitos humanos e na cooperação técnica internacional. Essa possibilidade pode ser ampliada no caso do Congo.
Article
Full-text available
Este trabalho busca compreender o papel de acordos de paz de power-sharing (distribuição de poder) e da Capacidade Estatal para a resolução de conflitos armados na África Subsaariana, ao analisar os casos de Angola (1994 e 2002) e da República Democrática do Congo (2002). Argumenta-se que a Capacidade Estatal parece ser condição necessária na estab...
Article
Full-text available
Last year, the first decade of the African Union (AU) was celebrated. This year, the extinct Organization of African Unity (OAU) project is remembered with the symbolic 50th anniversary of concrete continentalism in Africa (pan-Africanism in its institutional version). It is surely a time to celebrate the initiatives but also to review the principl...
Article
Full-text available
Uma nova crise na África Central surgiu recentemente, envolvendo a ascensão de um grupo armado congolês acusado de ser apoiado por Ruanda. A crise traz temores da explosão de uma nova conflagração nas proporções da chamada Guerra Mundial Africana. O artigo discute a crise e seus possíveis desfechos e soluções.
Article
Full-text available
Há, no pós-Guerra Fria, uma notória ascensão de trabalhos que relacionam religião, religiosidade, crenças, valores e cultura às relações internacionais, à política externa e aos Estudos Estratégicos. Este artigo trata do problema mais amplo da influência da religiosidade-e de suas possíveis mediações no mundo secular (crenças, valores, cultura, ide...
Article
Full-text available
No contexto da existência de mitos sobre a África na disciplina de Relações Internacionais, este trabalho argumenta a favor do Novo Regionalismo como alternativa teórico-metodológica capaz de servir de base para a integração de conceitos e a produção de conhecimentos mais amplos. Como exemplo, introduz a análise sobre possibilidades e limites da ag...
Book
Full-text available
A República Democrática do Congo tem sofrido, nos último 20 anos, os momentos mais trágicos de sua história. O país foi palco da Primeira e da Segunda Guerra do Congo – esta também chamada de "Guerra Mundial Africana", conflito armado que mais matou desde a Segunda Guerra Mundial. Contudo, mesmo após o fim formal das conflagrações, o país vive um "...
Book
Full-text available
The descriptive analysis of Buzan and Waever on the Southern Africa Regional Security Complex (RSC) in the post-Cold War seems to present important misconceptions regarding the RSC boundaries and, especially, polarity (unipolarity, exercised by South Africa). This article asks ‘what are the boundaries of CRS Southern Africa and its internal distrib...
Article
Full-text available
O presente artigo aborda a independência do Sudão do Sul e os desafios envolvidos no atual processo de construção do Estado. Dentre as dificuldades, ressalta-se a pobreza, as deficiências de infraestrutura e da economia nacional, problemas de segurança pública e disputas por petróleo que envolvem atores globais e locais. This article addresses the...
Article
Full-text available
Nos últimos meses presenciou-se uma grave crise política na Costa do Marfim, a qual possui origens históricas e estruturais. Este texto busca analisar os fatores internos e externos relacionados à crise e questionar sobre a sustentabilidade da solução adotada, a saber, o recurso ao intervencionismo extra-regional.
Chapter
Full-text available
Este trabalho discute brevemente os fundamentos teóricos sobre o papel dos serviços de inteligência no processo de construção do Estado e discorre sobre as características particulares de formação do Estado africano e da RDC. Em seguida, apresenta a trajetória de formação da esfera coercitiva do Estado congolês no período pós-independência, salient...
Article
Full-text available
A República Democrática de Congo é um país que, a despeito de rico, encontra-se em situação de colapso. As duas guerras do Congo (a segunda denominada também de "Primeira Guerra Mundial Africana"), associadas à manutenção da violência endêmica, ilustram a erosão da ordem. O governo em Sinshasa (capital do Congo) tem sido ineficiente desde a indepen...
Article
RESUMO O estudo das revoluções é marcado pela análise de casos em que os processos revolucionários obtiveram sucesso (realizaram mudanças político-sociais), enquanto pouco tem se pensado sobre as causas de seus fracassos. Este trabalho busca contribuir para o preenchimento desta lacuna, questionando-se: por que a revolução não ocorreu no Congo-Leop...

Projects

Projects (9)
Project
Since its origin, the disciplines of International Relations, International Security Studies, and Strategic Studies have focused their concern on the phenomenon of organized political violence, its causes, purposes, contexts, processes, methods, and means of using force. However, there is still little understanding of the macro-historical consequences of the war on the characteristics of States and on the structures of international systems. Important exceptions are, on the one hand, the contributions of Carroll Quigley, Otto Hintze, Charles Tilly, and several contemporary researchers on the impacts of war (and its threat of occurrence) on the formation and transformation of pre-modern and modern political structures. On the other hand, the analyzes of Robert Gilpin, Kalevi Holsti, and John Ikenberry assess the consequences of hegemonic wars in altering the structures of international systems. However, such contributions remain largely disconnected, which prevents the constitution of an integrated theory on the macro-historical systemic impacts of war, both at the structural and unit levels. The objective of the project is to debate, in an integrated way, the consequences of organized political violence, war, in macro-historical processes and structures, specifically, 1) in the formation and transformation of central and peripheral national states and 2) in the structural changes of international systems, at the global and regional level. It seeks to map the theoretical development of studies on the subject and prospect theoretical and empirical paths for the scientific progress of this relevant issue.
Project
O presente projeto de pesquisa insere-se na área dos Estudos de Segurança Internacional, temática essencialmente interdisciplinar (BUZAN e HANSEN, 2009), envolvendo contribuições das disciplinas de Relações Internacionais, Ciência Política, Direito, Ciências Sociais, Sociologia, Ciências da Comunicação, Ciências Econômicas, Políticas Públicas, Antropologia e Psicologia. No caso deste projeto, foca-se especificamente na temática da segurança pública, sob o enfoque da Teoria da Securitização. A pesquisa busca analisar as respostas predominantes para os problemas de segurança pública no Brasil. Nossa hipótese é que elas tais respostas têm sido predominantemente de amplitude limitada (foco em repostas coercitivas) e de caráter inefetivo (priorização de ações paliativas), em oposição às relacionadas a enfoque amplo (desenvolvimento e justiça) e de caráter preventivo. Além disso, busca-se compreender, em perspectiva comparada, o peso e significado de possíveis causas para esta realidade, entre elas: indefinição legal e científica do conceito de segurança pública, o processo político-social de securitização de ameaças específicas, o uso intercambiável de diferentes conceitos de segurança (pública, nacional, humana, estatal, cidadã) por atores relevantes, os arranjos institucionais vinculados ao setor de segurança e defesa produzidos no processo de transição democrática e de reforma do setor de segurança, e a evolução das relações civis-militares. A pesquisa se desenvolverá por meio de estudos produzidos por professores e pesquisadores de pós-graduação e graduação vinculados ao Grupo de Estudos em Capacidade Estatal, Segurança e Defesa (GECAP/UFSM/CNPq). Os resultados serão submetidos individualmente à publicação em periódicos científicos de relevância e eventualmente compilados em livro científico.
Archived project
O presente projeto propõe a realização de pesquisa de 36 meses sobre o impacto na guerra na construção dos Estados africanos. Ao contrário da previsão teórica decorrente do estudo seminal de Charles Tilly (1996) sobre coerção e capital na formação dos Estados Europeus, na África a profusão de conflitos armados não gerou incentivos positivos para a capacitação das instituições estatais. Pelo contrário, conflitos armados tenderam e tendem a degenerar instituições políticas, burocracia e políticas públicas de promoção do desenvolvimento. A hipótese de trabalho, que tenta solver esse paradoxo, é que a guerra não produziu os efeitos esperados de fortalecimento do Estado devido a variáveis intervenientes, que, de fato, definem quando o incentivo da guerra produzirá capacitação estatal. O estudo se desenvolverá na produção, apresentação e publicação de 7 (sete) artigos científicos que avaliarão diacronicamente as variáveis guerra e construção do Estado de forma isolada e relacionada; especificamente no caso africano como um todo (54 países), em casos internos emblemáticos (República Democrática do Congo e África do Sul), e em comparação com casos de resultados semelhante (Oriente Médio) e diferente (Estados Unidos da América). A pesquisa justifica-se pela relevância social da temática, haja vista as recorrentes crises humanitárias no continente africano decorrentes da incapacidade dos Estados de proverem segurança e desenvolvimento às suas populações. Além disso, conquanto haja crescente interesse público no Brasil sobre a realidade africana e ações de política externa em direção à cooperação técnica para o desenvolvimento, há ainda escassa produção acadêmica sobre tais temáticas contemporâneas de tamanha relevância e urgência.