Brazilian Journalism Research

Published by Associacao Brasileira de Pesquisadores de Jornalismo
Online ISSN: 1981-9854
Print ISSN: 1808-4079
Publications
ABSTRACT – This paper begins with a discussion of the concept of populism in order to analyze how Jair Bolsonaro’s criticisms of the press circulated on the social network Twitter at a time when Brazil had recorded the highest number of covid-related deaths, in the first week of March 2021. This paper presupposes that the president’s support network incorporated the populist binary rhetoric of “us” against a “corrupt elite” which is responsible for conspiring and amplifying the effects of the health crisis in the country. As a methodology, we opted for a mixed proposal based on content analysis and analysis of social networks. As a result, we found that the tweets from Bolsonaro supporters claim that the press is corrupt, and manipulates and harasses the president in its coverage of the pandemic. RESUMO – O artigo parte da discussão do conceito de populismo, com o objetivo de analisar como as críticas de Jair Bolsonaro à imprensa circularam na rede social Twitter no momento em que o Brasil atingia o maior número de mortos pela covid-19, na primeira semana de março de 2021. O texto traz como hipótese que a rede de apoio ao presidente incorporou a retórica binarista do “nós” contra uma “elite corrupta” que é responsável por conspirar e ampliar os efeitos da crise sanitária no país. Como metodologia, optou-se por uma proposta mista ancorada na análise de redes sociais e análise de conteúdo. Como resultado, constatou-se que os tweets dos apoiadores de Bolsonaro associaram a imprensa atributos de corrupção, manipulação e perseguição ao líder na cobertura contra uma “elite corrupta” e atribuiu a imprensa o caráter dos efeitos da pandemia. RESUMEN - Artículo de la discusión del concepto de populismo, con el fin de analizar cómo circularon en la red social Twitter el comunicado de prensa de Jair Bolsonaro al equipo cuando Brasil alcanzó el mayor número de muertes por covid-19, en la primera semana de marzo de 2021. El texto plantea la hipótesis de que la red de apoyo al presidente incorporó la retórica del binarismo populista del “nosotros” frente a una “élite corrupta” y atribuyó a la prensa el carácter de enemigo del gobierno, responsable de conspirar y amplificar los efectos de la salud en el pais. Como metodología, optamos por una propuesta mixta anclada en el análisis de redes sociales y análisis de contenido. Como resultado, se encontró que los tuits de simpatizantes de Bolsonaro asociaron a la prensa con atributos de corrupción, manipulación y acoso al líder para cubrir los efectos de la pandemia.
 
– This article examines the objective and quantifiable data conversion in visual and syncretic discursive forms aimed at mobilizing experiences of the conveyed senses. In addition to making the invisible visible, what is proposed here is to make the unspeakable visible by analyzing the overdetermination of the effect of intensity, proximity, and presence on news content. To achieve this goal this paper uses empirical data obtained from infographics printed in The New York Times (NYT) and Folha de S.Paulo newspapers on the covid-19 pandemic. This was chosen because the objective data in numbers and figures affect how true opinion is shaped and the infographics were recurrently employed (during our research period) by all media as an effective mechanism for understanding the facts. The empirical methodology is anchored in the perspective of tension semiotics that provides theoretical foundations for studying the sensitive dimension of interactional processes.RESUMO – Propõe-se neste artigo examinar o processo de conversão de dados, considerados objetivos e quantificáveis, em formas discursivas visuais e sincréticas voltadas a mobilizar experienciações dos sentidos veiculados. Para além de tornar visível o invisível, discute o modo de se dar a ver o indizível, pela análise da sobredeterminação do efeito de intensidade, proximidade e presença aos conteúdos noticiosos. Para tanto, trabalha com empíricos de práticas infográficas circuladas pelos jornais The New York Times (NYT) e Folha de S.Paulo sobre a pandemia covid-19, porque nesse domínio os dados objetificados em fluxos de números e cifras atuam sob a forma do parecer verdadeiro e, no período, a infografia tornou-se recorrente em todas as mídias como mecanismo eficaz de compreensão dos fatos. A metodologia de abordagem dos empíricos ancora-se na perspectiva da semiótica tensiva que fornece fundamentos teóricos para estudo da dimensão sensível dos processos interacionais.RESUMEN – En este artículo se propone examinar el proceso de conversión de datos, considerado objetivo y cuantificable, en formas discursivas visuales y sincréticas dirigidas a movilizar experiencias de los sentidos transmitidos. Además de visibilizar loinvisible, lo que se proponeaquí es abordar la forma de visibilizar lo indecible, analizando la sobre determinación del efecto de intensidad, proximidad y presencia a los contenidos informativos. Para ello, trabaja con prácticas empíricas de infografías que circulanen los diarios The New York Times (NYT) y Folha de S.Paulo sobre la pandemia covid-19, puesen este dominio los datos objetivados enflujos de números y cifras actúan como un parecer verdadero y, enel período, la infografía se convirtió en recurrenteen todos los medios como mecanismo eficaz de comprensión de los hechos. La metodología del enfoque empírico se ancla en la perspectiva de la semiótica tensivaque ofrece fundamentos teóricos para estudiar la dimensión sensible de los procesos interaccionales.
 
Fotojornalismo na imprensa de Belém: 1900 – 1950Resumo: Esta pesquisa visou a observar o percurso do fotojornalismo na imprensa de Belém, Pará, na primeira metade do século XX. Trata-se de estudo exploratório, baseado em análise iconográfica e iconológica das imagens, segundo Panofsky e Kossoy. Foram realizadas pesquisas bibliográfica, documental e análise de dados empíricos de três importantes jornais do Pará: A Província do Pará, Folha do Norte e Estado do Pará, disponíveis no acervo da Biblioteca Pública Arthur Vianna, em Belém. Com a análise dos dados, foi possível traçar um panorama do percurso do fotojornalismo paraense nos principais jornais em circulação no período definido, observando que, mesmo no início do século, os periódicos já reconheciam a força das imagens e isso era perceptível na sua enunciação. Os dados mostraram também que os problemas da cidade, guerras, política, polícia e esportes eram as principais temáticas do fotojornalismo paraense nas décadas estudadas. Palavras-chave: Jornalismo. Fotojornalismo. Imprensa no Pará. Século XX.[1] Este artigo é resultado de estudo realizado no projeto de pesquisa “A trajetória da imprensa no Pará”, apoiado pelo CNPq, Edital Universal MCTI/CNPq Nº 14/2012.
 
Based on the principles that underlie press freedom and the public service of the media, this article is a critical contribution to what was commonly called the “Senegalese political model”, considered as one of the few models of democracy in Francophone Africa during the first three decades of independence (1960 – 1990). As far as the media are concerned, this research shows that during that period, national television was not actually run more democratically than those of other countries of this part of the continent, then under civil or military dictatorship backed by a single party. Just like Zaire national television under President Mobutu, the Senegalese one was also a formidable tool of propaganda, a “mirror of State” and a distorting prism of the society. As a result, the crisis that stroke the Senegalese postcolonial State at the turn of the 1980s did not spare “its” television. Com base nos princípios que fundam a liberdade de expressão e a mídia pública, este artigo pretende dar uma contribuição crítica ao que tem sido geralmente denominado de “modelo político senegalês”, considerado como um dos raros modelos de democracia na África francófona durante as três primeiras décadas após a independência (1960 – 1990). No que se refere à mídia, esta pesquisa visa a mostrar que a televisão nacional não teve, na verdade, um funcionamento mais democrático do que de outros países dessa parte do continente africano e que viviam, na época, sob um regime de ditadura civil e militar suportado por um partido único. Da mesma forma como a televisão nacional zairense sob o presidente Mobutu, a emissora senegalesa também foi uma indiscutível ferramenta de propaganda, um “espelho do Estado” e um prisma que deformava a sociedade. Como resultado, a crise pós-colonial que atingiu o Senegal na virada dos anos 1980 – 1990 acabou por afetar a “sua” televisão. En lo que se refiere a los medios, esta investigación pretende mostrar que la televisión nacional no tuvo, en realidad, un funcionamiento más democrático que el de otros países de esa parte del continente africano y que vivían, durante esa época, bajo un régimen de dictadura civil y militar apoyado por un partido único. De la misma forma que la televisión nacional zairense bajo el mandato del presidente Mobutu, la emisora senegalesa también fue una indiscutible herramienta de propaganda, un "espejo del Estado" y un prisma que deformaba a la sociedad. Como resultado, la crisis post-colonial que afectó a Senegal a principios de los años 1980-1990 acabó afectando a "su" televisión.
 
Investigamos indícios da construção cultural do distúrbio psíquico da depressão como uma atualidade midiática no Brasil. Para isso, exploramos sua definição como objeto jornalístico a partir do exame do corpus de pesquisa formado por matérias do Grupo Folha, especialmente a Folha de S. Paulo, ao longo dos últimos quarenta anos. Nossa abordagem do arquivo de notícias permite-nos delinear quatro regiões principais de estratégia de produção discursiva, expostas e exemplificadas no artigo. A partir destas observações, pleiteamos então uma nova perspectiva para a análise da função da imprensa na publicação de matérias de divulgação de pesquisas científicas acerca da depressão. Entenderemos seu papel não simplesmente como disseminadora automática de verdades científicas, mas como exploradora de uma zona cinzenta do domínio da opinião, encarada como representação dos destroços do saber circulante, em que está em jogo a produção da própria atualidade do distúrbio.
 
Este artigo discute a representação da cidade no jornalismo cultural, examinando como a editoria de cultura do jornal Diário do Sul (grupo GzM) ofereceu uma perspectiva de Porto Alegre entre 1986 e 1988. O percurso analítico sintetiza boa parte dos resultados de pesquisa conduzida por meio de análise do conteúdo e técnicas de história oral temática.Ancorada na positividade, percebeu-se que a cobertura constrói a cidade como local do consumo, da novidade, da atualização e do movimento contínuo de fluxos externos. Revela a centralização geográfica do circuito, investimentos na institucionalização da cultura e na renovação da infraestrutura da capital.Na tensão entre as referências que criam pertencimento e as que expandem o território, o jornalismo representa a urbe como o centro do espetáculo, inserindo-se em um fenômeno das últimas décadas, quando as cidades se constituíram em agentes decisivos da esfera da cultura.
 
This article aims to reflect on the history of the practices of ombudsmen in the Brazilian and Portuguese media, seeking simultaneously to identify the challenges and difficulties inherent to this function in mediatic communication. A comparative approach is adopted here, which, as is generally the case in social science, seeks to discover regularities and recognize differences in the activities developed by the ombudsmen in Brazil and Portugal between 1989 and 2013. Hence, using comparison to obtain a method to objectify the analysis, this study purports to outline the function in communication vehicles in both countries. With almost 25 years’ existence in the lusophone sphere and, despite having properties such as the accountability mechanism, hetero- and auto-regulation, the ombudsman has not been widely adopted in Portuguese-speaking countries. In Brazil, the expansion of the function is still conceivable, while in Portugal, the ombudsman is an instrument undergoing steady decline. Affected by the European economic crisis, the Portuguese media have resisted the establishment of the institution and those who have already accepted it seem to be abandoning it progressively.
 
O objetivo do artigo é refletir sobre a história da prática de ombudsman em veículos de comunicação no Brasil e em Portugal, procurando, ao mesmo tempo, identificar os desafios e as dificuldades inerentes à função na comunicação mediática. A perspectiva adotada neste contexto recorre a uma abordagem comparativa que, à semelhança do que acontece nas ciências sociais em geral, visa descobrir regularidades e reconhecer dissemelhanças das atividades realizadas pelos ombudsmans do Brasil e de Portugal entre 1989 e 2013. Procurando, então, por meio da comparação, um método de objetivação da análise, neste artigo, buscamos delinear essa função nos veículos de comunicação dos dois países. Com uma história de quase 25 anos no espaço lusófono e não obstante as suas propriedades como mecanismo de accountability, hetero e autorregulação, a prática de ombudsman não chegou a generalizar-se nos países de língua portuguesa. Se no Brasil é ainda pensável a expansão dessa atividade, em Portugal, o ombudsman é já um instrumento em declínio. Afetados pela crise econômica que devasta a Europa, os veículos de comunicação portugueses resistem à instituição dessa posição e os que já a acolheram parecem estar a dispensá-la progressivamente.
 
Este texto examina as construções semióticas da figura do presidente Lula nas reportagens de capa das revistas semanais Veja e IstoÉ durante a campanha presidencial de 1989. O corpus é constituído pelas reportagens de capa com foco temático na apresentação do perfil de Lula. A mídia semanal é ela própria um dos atores no cenário do debate político: ao atuar performativamente, ela exerce uma prática política como observador julgador. Ao estudar os modos de construção da imagem de Lula nas campanhas eleitorais, comparando-os com os do outro candidato (Collor-89), este texto também buscará identificar os modos pelos quais a mídia semanal se faz presente na sociedade contemporânea e os procedimentospersuasivos (estratégias verbais, visuais e sincréticas) usadospara “influenciar” os leitores, com base nos julgamentos que elaarbitra. Para tanto, com base em análise semiótica, estudaremos os diferentes mecanismos enunciativos empregados na produção de tais discursos. Examinaremos, assim, as figuras do Outro evocadas na construção de Lula, especificando as formas de sentenciamento midiático incorporadas em certos pontos nodais, conforme definição de Laclau. Quais são as oposições construídas na divisão do campo político, efetivadas nas reportagens centradas nas personalidades dos atores em disputa? Como se delineia o campo político com base na oposição entre as personalidades de Lula e Collor, como discursivizadas pela mídia? Falamos de Lula-Outro para marcar a outridade estabelecida nessa construção de oposições caracterizada por categorias de separação entre Mesmo e Outro, direita e esquerda, cultura popular e de elite, sindicalismo e socialdemocracia etc. Este estudo é parte da pesquisa “A invenção do Mesmo e do Outro na mídia semanal”(ver projetos concluídos, pg. 2, no site www.pucsp.br/pos/cos/umdiasetedias), que construiu um DVD em hipermídia, com o objetivo de apoiar professores naeducação para as mídias, tornando explícitos os modos pelos quais a mídia semanal constrói a alteridade.
 
Capas de ZH de 01/05/1964, 01/03/1970 e 01/03/1990
Capas de ZH de 1º de março de 2006, 2007, 2008, 2009 e 2010, respectivamente
Box usado nas capas de 2004 e 2001, respectivamente
Capa de ZH de 2008
Área do cabeçalho de ZH atualmente
O artigo investiga as reformulações da apresentação gráfica pelas quais passou o jornal Zero Hora (ZH) entre os anos de 1990 e 2010, centrando-se em suas capas. Analisa como a publicação reformulou seu design no período, a fim de discutir como tais modificações podem estar relacionadas a mudanças tecnológicas ligadas à circulação de edições também em outros suportes. Problematiza relações entre elementos visuais e princípios de edição jornalística, tendo em vista a trajetória do veículo. A significativa alteração dos layouts percebida ao longo dos anos avaliados parece estar associada à crescente quantidade de informações disponíveis no espaço gráfico e que é perpassada pelo intenso uso de recursos gráficos e imagens que muitas vezes comprometem a hierarquia do que é noticiado.
 
Sui Generis, year I, n. 1 
Sui Generis, year I, n.6 
This article examines the Sui Generis magazine (1995-2000), one of the most relevant gay press magazines in Brazil. We study the importance of this publication and the field of journalism in terms of producing and reproducing representations and processes of identities and relations of gender and sexuality. The methodology involves a discursive reading of editorials, cover stories and reader letters published between January 1995 and March 2000, as well as a restructuring of journalistic work and daily practices in newsrooms through interviews with reporters, columnists and editors. We reached the conclusion that choosing a policy of visibility based on outing and concepts of gay "identities" and "communities" allowed the magazine to create specific and more valued ways of what homosexuality is, which leads to a critical reflection on what these policies have achieved, and what their limits and tensions are. O artigo propõe uma investigação da revista Sui Generis (1995-2000), título do segmento especializado designado como “imprensa gay” brasileira. Busca-se compreender a relevância da publicação e deste campo jornalístico como instâncias historicamente produtoras e reprodutoras tanto de representações como dos processos de agenciamento de identidades e relações de gênero e sexualidade. Adota-se como metodologia a leitura discursiva de editoriais, reportagens de capa e cartas dos leitores publicados entre janeiro de 1995 e março de 2000; e a reconstituição, por meio de entrevistas com repórteres, colunistas e editores, do fazer jornalístico e das práticas cotidianas da redação. A análise permite constatar que, ao eleger como estratégia uma política de visibilidade calcada no outing e na elaboração de noções de “identidade” e “comunidade” gays, forjam-se modos específicos e mais valorizados do que seria a homossexualidade, exigindo uma reflexão crítica das conquistas dessas políticas, dos seus limites e de suas tensões. En ese artículo se propone investigar la revista Sui Generis (1995-2000), título del segmento especializado denominado "prensa gay" en Brasil. En él, se busca comprender la relevancia de la publicación y de este campo periodístico como instancias históricamente productoras y reproductoras tanto de representaciones como de los procesos de agenciamiento de identidades y relaciones de género y sexualidad. La metodología elegida fue la lectura discursiva de editoriales, reportajes de portada y cartas de los lectores publicados entre enero de 1995 y marzo de 2000; y la reconstitución, por medio de entrevistas con reporteros, columnistas y editores, del trabajo periodístico y de las prácticas cotidianas de la redacción. El análisis permite constatar que, al elegir como estratégica una política de visibilidad basada en el outing y en la elaboración de nociones de "identidad" y "comunidad" gays, se forjan modos específicos y más valorados de lo que sería la homosexualidad, exigiendo una reflexión crítica de las conquistas de esas políticas, de sus límites y de sus tensiones.
 
Este texto propõe uma análise das estratégias do grupo canadense Québecor a partir de uma pesquisa etnográfica, realizada entre 1999 e 2005, e de uma revisão das atividades do grupo e do estado das relações sociais cinco anos mais tarde, em 2010. O conglomerado representa o protótipo da empresa de comunicação que entrou, desde muito tempo, em um processo progressivo de convergência midiática. Aliando formas de sinergia na promoção cruzada de suportes, parcerias estratégicas com outros veículos e a introdução de inovações estruturais, o Québecor representa, na província canadense do Quebec, o ator que se dedica com mais intensidade à produção multi-plataformas. Nesse ponto, ele promove a figura do jornalista multitarefas, encorajado a multiplicar não apenas sua competência, mas também a produtividade. Contudo, tal dinâmica não cobre apenas as transformações da atividade trabalhistas dos empregados da empresa, mas mostra também as estratégias utilizadas por conglomerado para gerir as possibilidades financeiras e comerciais prometidas pela convergência.
 
Neste artigo analisamos os 509 trabalhos que foram apresentados em congressos da Associação Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo (SBPJor) entre 2003 e 2007. As análises foram feitas a partir de quatro categorias de referência: 1) tipos de pesquisa, 2) padronização formal, 3) tipo de matrizes metodológicas e 4) nível de formação dos (as) autores (as). O objetivo é identificar o nível de profissionalização dos estudos especializados em jornalismo, destacando os tipos de pesquisa e de manuais, as influências teóricas e as matrizes metodológicas predominantes. Dentre os principais resultados, ressaltamos a predominância de autores doutores e de pesquisas empíricas. Observamos também a falta de adequação à padronização formal.
 
Given the paradigm shift of the Brazilian Foreign Policy implemented in the government of Luiz Inacio Lula da Silva, this article analyzes the news coverage of the Veja portal in regards to the establishment of the BRICS group between the years 2005 and 2010. We understand the internal and external political spheres as imbricated, and the journalism that focuses on the external action of the state participates in this configuration by giving visibility to certain discourses. In order to achieve our goal we have combined the critical and the French discourse analysis.
 
Tendo em vista a mudança paradigmática da Política Externa Brasileira implementada no governo de Luiz Inácio Lula da Silva, este artigo analisa a cobertura noticiosa do portal Veja sobre a constituição do grupo BRICS entre os anos de 2005 e 2010. Entendem-se as esferas políticas interna e externa como imbricadas, e o jornalismo que enfoca a atuação externa do Estado participa desta configuração ao dar visibilidade a determinados discursos. Para a consecução da investigação, utiliza-se uma conjunção das análises de discurso crítica e francesa.
 
After almost a decade, the re-appearance of Dengue in Argentinacaused panic and fears. Unlike Bolivia, Brazil and Paraguay wherepolicies of preventions have been followed, the future of dengueis uncertain for Argentina; this paper does not have any politicalaffiliation but emphasizes the role that mass media play in thecoverage of epidemics. The question as to whether a newspaper ormass media corporation should maintain a minimum of objectivityis too complex to be resolved in this short article. However, we haveso far set forth a model which will help other researchers to interpret topics of this nature in the future. In moments of disorder, uncertainty or disaster, societies experience a shift in the ways they perceive reality. As has been previously developed, uncertainty, gossip and ideological facets are inherent in all cases of social disturbances.
 
Após quase uma década, a reaparição da Dengue na Argentina causou pânico e medo. Diferente da Bolívia, do Brasil e do Paraguai, onde as políticas de prevenção têm sido seguidas, o futuro da dengue fica incerto para a Argentina; este trabalho não tem qualquer afiliação política, mas destaca o papel da mídia de massa na cobertura das epidemias. A questão de se um jornal ou corporação de mídia de massa deveria manter um mínimo de objetividade é extensa demais para ser resolvida neste artigo curto. Entretanto, temos apresentado um modelo que ajudará outros pesquisadores a interpretarem temas desta natureza no futuro. Nos momentos de desordem, incerteza ou desastre, as sociedades passam por uma mudança nas maneiras de perceberem sua realidade. Como registrado anteriormente, a incerteza, as fofocas e as facetas ideológicas são inerentes a todos os casos de perturbações sociais.
 
O trabalho discute limites e potencialidades da noção de narrativa transmídia para descrever a cobertura cidadã dos protestos brasileiros na seção colaborativa iReport for CNN do site da CNN.com. A seção é tipicamente intermídia porque se conecta a redes sociais online e se desdobra em programa televisivo mensal de mesmo nome. Mas em que medida poderia também ser caracterizada como transmidia? Por meio da observação sistemática da cobertura cidadã dos protestos brasileiros em iReport for CNN, entre junho e julho de 2013, verificou-se a reconfiguração de certos espaços editoriais no site visando a perspectiva proposta pelos usuários, assim como presença de atividade comunicacional em redes sociais online conectadas. Conclui-se que a narrativa cidadã se expandiu pela ação coletiva em rede e se processou entre a televisão e a internet, elementos essenciais da narrativa transmídia. Por outro lado, a narrativa jornalística se manteve separada da narrativa cidadã, o que relativiza seu potencial transmidiático.
 
FIGURE1: 360º VIDEO
Figure5 -Cover image for Farewell to Arms
Characteristics of Literary Journalism
Categorization of literary journalism characteristics
ABSTRACT – In the current scenario where long-form journalism is now an online narrative form, this work sought to understand if and how the characteristics of literary journalism (LJ), as defined by authors Kramer (1995), Wolfe (2005), Lima (2009) and Pena (2017), are integrated into the multimedia content of webjournalism. Both quantitative and qualitative approaches were used to perform this, and the content analysis methodology was applied to a final sample of four reports from the UOL TAB platform. We found that LJ in digital writing uses multimedia features to enhance readers’ experiences and, even though the written text remains a key element to the narrative, the multimedia resources attached to it make the genre original, and thus provide for a more immersive reading experience. RESUMO – Em um cenário em que o jornalismo longform já faz parte das narrativas na web, este trabalho buscou compreender se e como as características do jornalismo literário (JL), definidas pelos autores Kramer (1995), Wolfe (2005), Lima (2009) e Pena (2017), são integradas ao conteúdo multimídia do webjornalismo. Para isso, foram utilizadas as abordagens quantitativa e qualitativa e aplicou-se a metodologia análise de conteúdo em uma amostra final de quatro reportagens da plataforma UOL TAB. Verificou-se que o JL na escrita digital se apropria dos elementos multimídia com a intencionalidade de potencializar a experiência do leitor; e, embora o texto escrito continue como elemento central da narrativa, são os recursos multimídia acoplados a ele, que inovam o gênero, tornando a experiência do leitor mais imersiva. RESUMEN – En un escenario donde el periodismo de larga duración ya forma parte de las narrativas en la web, el trabajo buscó comprender si y cómo las características del periodismo literario (JL), definidas por los autores Kramer (1995), Wolfe (2005), Lima (2009) y Pena (2017), se integran en el contenido multimedia del periodismo web. Para ello, se utilizaron los enfoques cuantitativos y cualitativos y se aplicó la metodología de análisis de contenido a una muestra final de cuatro reportajes periodísticos de la plataforma UOL TAB. Se encontró que la JL en escritura digital se apropia de los elementos multimedia con la intención de mejorar la experiencia del lector; y, aunque el texto escrito sigue siendo un elemento central de la narrativa, son los recursos multimedia adjuntos que innovan el género, haciendo que la experiencia del lector sea más inmersiva.
 
Direction of electoral news items between the Peoples' Democratic Party (PDP) and the All Progressives Congress (APC) published in The Nation between January 2015 and March 2015. 
This study focuses on the role of media ownership on the press coverage of the 2015 presidential election campaign in Nigeria. Using content analysis, the aim of the study was to identify the themes and examine the direction of the coverage of election campaign news items between the two main political parties in the country-Peoples’ Democratic Party (PDP) and the All Progressives Congress (APC) published in The Nation on one hand and the Nigerian Tribune on the other hand, between January 2015 and March 2015. Findings from the study indicate coverage replete with biases, although with some remarkable incidents of objectivity and balancing, and show that the two newspapers analysed in this study merely reflected the political leanings of their respective publishers. Este estudo se centra no papel da propriedade da mídia na cobertura jornalística das eleições presidenciais de 2015 na Nigéria. Por meio de análise de conteúdo, seu objetivo é identificar os temas e examinar os direcionamentos dos itens noticiosos relacionados à cobertura da campanha ente os dois principais partidos do país – Peoples’ Democratic Party (PDP) e o All Progressives Congress (APC) – e que foram publicados entre janeiro e março de 2015 nos jornais The Natione Nigerian Tribune. Os resultados do estudo apontam para uma cobertura repleta de vieses, apesar de alguns incidentes relevantes de objetividade e de equilíbrio, e mostram que os dois jornais analisados simplesmente refletem os direcionamentos políticos de seus respectivos proprietários. Este estudio se centra en el papel de la propiedad de los medios en la cobertura de prensa de las campañas electorales presidenciales de 2015 en Nigeria. Utilizando análisis de contenido, el objetivo del estudio fue identificar los temas y examinar el direccionamiento de la cobertura y de las noticias sobre la campaña electoral entre los dos principales partidos políticos del país: el Peoples’ Democratic Party (PDP) y o All Progressives Congress (APC), publicadas en The Nation y en el Nigerian Tribune, entre enero de 2015 y marzo de 2015. Las encuestas de estudio indican una cobertura repleta de vieses, aunque con algunos incidentes relevantes de objetividad y equilibrio, y muestra que los dos periódicos analizados reflejan simplemente las directrices de los respectivos propietarios.
 
-Formula for calculating the value/truth applied in the Verific.ai platform.
-Verific.ai operating sequence.
-Downloads per user, Android system, October 9 -28, 2018.
-topics of posts received via social networks.
-Graph showing rumors/news checked by seven vehicles and Verific.ai.
The increasingly hybrid relationship between consumption and production, the post-truth context, and the disinformation ecosystem have all caused tensions in journalism. Creating false news and spreading it across social networks has become common practice. This article introduces the development, testing and data analysis from the Verific.ai application prototype, an automated tool for checking news links on the Android operating system. This application uses data mining for defining the criteria for truthful and false news in the digital environment. The data are presented in the light of the descriptive exploratory analysis, based on tests conducted during the 2018 Brazilian elections. Through this it was possible to define and apply criteria to quickly reveal any potentially false content, while also showing the type of online news content viewed unfavorably by the consuming public. A relação mais híbrida entre consumo e produção, o contexto da pós-verdade e o ecossistema da desinformação provocaram tensões no jornalismo. Falsear a notícia tornou-se prática nas relações propagadas pelas redes sociais digitais. O artigo apresenta a experiência de desenvolvimento, teste e análise de dados do protótipo do aplicativo Verific. ai, uma ferramenta de automatização de checagem de links de notícias disponível para sistema Android. A plataforma aplica a técnica da mineração de dados a partir da definição de critérios de verdade e falsidade das notícias no ambiente digital. Os dados são apresentados à luz da análise exploratória descritiva, a partir de testes realizados no período eleitoral brasileiro de 2018. Mostrou-se como é possível delinear e aplicar critérios para evidenciação rápida de conteúdo com potencial falso, ao mesmo tempo em que se evidenciou que tipo de conteúdo tem sido colocado em xeque pelo público consumidor de notícias na internet. La relación más híbrida entre el consumo y la producción, el contexto de la postverdad y la ecosistema de la desinformación han provocado tensiones en el periodismo. Crear contenido falso se convirtió en práctica en la relaciones propagadas por las redes sociales digitales. El artículo presenta la experiencia de desarrollo, prueba y análisis de datos del prototipo de la aplicación Verific.ai, una herramienta de automatización de verificación de enlaces de noticias disponible para el sistema Android. La herramienta aplica la técnica de minería de datos definiendo criterios de verdad y falsedad de noticias en el digital. Los datos se presentan a la luz del análisis exploratorio-descriptivo, basado en pruebas realizadas en el período electoral brasileño de 2018. Se ha probado que es posible definir y aplicar criterios de evaluación rápida de contenido con potencial falso, así como se ha mostrado el tipo de contenido que es cuestionado por el consumidor de noticias en la internet.
 
picture debunked by Fato ou Fake and labeled as false. Subtitle: "The 60s and 70s: this photo is priceless… Lula the tramp being beaten."
original picture by photojournalist Evandro Teixeira.
One of the main aspects of public debate in Brazil in the period that preceded the 2018 presidential elections was the dissemination of false stories via social media and messaging apps. Disinformation, misinformation, and mal-information – phenomena that comprehend elements such as wrongful, out of context, distorted and fabricated information, among others – were a major concern in the election, highlighted by the number of false stories debunked by independent fact-checkers. In the 20-day period between the two rounds of the presidential election, six fact-checking websites posted 228 verifications of false stories disseminated on social media and/or messaging apps, covering a range of about 132 different topics. This article aims to analyze the categorizations enunciated in their discourses. In order to do so, the methodological perspective utilized was the Membership Categorization Analysis, affiliated with the tradition of Ethnomethodology. A disseminação de histórias falsas em aplicativos de mensagens e redes sociais da internet foi um dos elementos centrais da conversação civil no Brasil no período que antecedeu as eleições presidenciais brasileiras em 2018. A preocupação com a disseminação da desinformação – fenômeno que se compõe, entre outros elementos, por informações erradas, descontextualizadas, distorcidas ou falsificadas – se refletiu na quantidade de histórias falsas verificadas e desmentidas por agências independentes de checagens de fatos. No período de 20 dias entre as votações de primeiro e segundo turnos das eleições, as seis principais agências do país publicaram 228 verificações de histórias falsas disseminadas em redes sociais da internet ou aplicativos de troca mensagens, referentes a 132 diferentes pautas. Neste estudo foram analisadas as categorizações enunciadas nos discursos dessas histórias falsas, com a utilização da Análise de Categorização de Pertencimento (ACP), ferramenta teórico-metodológica de origem na Etnometodologia. La propagación de historias falsas en servicios de mensajería instantánea y redes sociales de Internet fue uno de los elementos centrales de las conversaciones civiles en Brasil durante el periodo previo a las elecciones presidenciales brasileñas en 2018. La preocupación con la diseminación de la desinformación – fenómeno compuesto por informaciones erróneas, descontextualizadas, distorsionadas o falsificadas, entre otros elementos – fue visible en la cantidad de historias falsas verificadas y refutadas por organizaciones de fact-checking. En el período de 20 días entre las votaciones de la primera y segunda vuelta de las elecciones, las seis principales fact-checkers del país publicaron 228 verificaciones de historias falsas difundidas en redes sociales de internet o servicios de mensajería instantánea, relativas a 132 pautas diferentes. Este artículo trata de analizar las categorizaciones enunciadas en los discursos de esas historias falsas con el auxilio del Análisis de Pertenencia Categorial (Membership Categorization Analysis – MCA), herramienta teórico-metodológica que proviene de la Etnometodología.
 
ABSTRACT – The main objective of this paper is to understand populism and its relationship with social media, in particular, to analyze the official Twitter account of the former presidential candidate of Brazil, Jair Bolsonaro. This paper starts with a theoretical review of the definition of populism presented by classic authors such as Boyte and Riessman (1986) and Bell (1992), and by more contemporary authors such as Mudde (2004), Panizza (2005), and Müller (2016). This article also seeks to identify whether the key characteristics of populism were present in the political campaign narratives. Starting from a qualitative and quantitative analysis of content shared on Twitter, we identified populist messages in Bolsonaro’s election campaigns, particularly ones that tend to blame the elites and trigger society’s fears. RESUMO – O principal objetivo deste artigo é compreender o populismo e a sua relação com as redes sociais, em particular, analisar a conta oficial do Twitter do então candidato a presidente do Brasil Jair Bolsonaro. Partindo de um levantamento teórico sobre a definição do populismo, desde autores clássicos como Boyte e Riessman (1986) e Bell (1992), até outros da atualidade como Mudde (2004), Panizza (2005) e Müller (2016), o artigo procura, também, entender se as características-chave do populismo estiveram presentes nas narrativas da candidatura de Bolsonaro. Partindo de uma análise qualitativa e quantitativa do conteúdo partilhado no Twitter, demonstrou-se a presença de mensagens populistas nas campanhas deste político, em particular numa dimensão relacionada com a culpabilização das elites e o instigar dos medos da sociedade. RESUMEN - El objetivo principal de este trabajo es comprender el populismo y su relación con las redes sociales, en particular, analizar la cuenta oficial de Twitter del entonces candidato a la presidencia de Brasil Jair Bolsonaro. Partiendo de una revisión teórica de la definición de populismo, desde autores clásicos como Boyte y Riessman (1986) y Bell (1992), hasta otros de la actualidad como Mudde (2004), Müller (2016) y Panizza (2005), el artículo busca, además, comprender si las características clave del populismo estuvieron presentes en las narrativas de la candidatura de Bolsonaro. A partir de un análisis cualitativo y cuantitativo del contenido compartido en Twitter, se demostró la presencia de mensajes populistas en las campañas de este político brasileño, particularmente en una dimensión relacionada con la culpabilización de las élites y la instigación de los miedos de la sociedad.
 
For this paper we collected and analyzed manipulated content intended to go viral on Facebook and thus influence public opinion during the pre-election period in Brazil. Posts from 10 Facebook pages were collected over the course of 2017 from Brazilian organizations known to have produced false or manipulated news; we selected a total of 50 of the most-shared posts from those pages. The results showed that the posts receiving the most shares have three characteristics in common: content format, language strategy and information source. Impact phrases, public figures commenting on political facts out of context, and the sensationalist approach were all resources identified in texts, videos and photographs; formats which are commonly used for propagation purposes. Neste trabalho coletamos e analisamos conteúdos manipulados com o objetivo de se tornarem virais no Facebook e, dessa forma, influenciarem a opinião pública durante o período pré-eleitoral no Brasil. Ao longo de 2017, foram recolhidos os posts de 10 páginas do Facebook de organizações brasileiras conotadas com a produção de notícias falsas ou manipuladas, tendo sido selecionadas 50 publicações que correspondem às mais partilhas em cada uma das páginas. Os resultados permitem verificar que os posts com mais compartilhamento têm algumas características comuns em três quesitos: formato de conteúdo, estratégia de linguagem e fonte de informação. Foram também identificados em textos, vídeos e fotografias, formatos habitualmente usados com esta finalidade de propagação, o recurso à frases de impacto, a utilização descontextualizada de figuras públicas comentando fatos políticos e a abordagem sensacionalista. En este documento recopilamos y analizamos contenido manipulado para volverse viral en Facebook y así influir en la opinión pública durante el período preelectoral en Brasil. A lo largo de 2017, se recogieron 10 publicaciones de páginas de Facebook de organizaciones brasileñas relacionadas con la producción de noticias falsas o manipuladas, y se seleccionaron 50 publicaciones que corresponden a la mayor cantidad de publicaciones compartidas en cada página. Los resultados permiten verificar que las publicaciones que comparten más tienen algunas características comunes en tres aspectos: formato de contenido, estrategia de lenguaje y fuente de información. También se identificó en textos, videos y fotografías, formatos comúnmente utilizados para este propósito de propagación, el uso de oraciones de impacto, el uso descontextualizado de figuras públicas que comentan hechos políticos y el enfoque sensacionalista.
 
As narrativas digitais contemporâneas são foco destacado deste artigo. A evolução do conceito de “mônadas abertas” – o objeto principal da discussão – vai ser retratada desde quando ele ainda estava ligado à reportagem jornalística na Web, chegando ao campo das artes. A estrutura horizontal desse modelo das “mônadas abertas” é um ponto importante para se compreender a sua posição na comunicação contemporânea, que já não é mais somente aquela chamada “de massa” ou “massiva”, mas que assume novos aspectos, inclusive abrindo espaços para novas conexões com outras áreas. Neste caso, a ligação com as artes, sob o viés da tecnologia, é uma interface possível. Em sua metodologia, há uma investigação teórica, mas não se desvinculando da parte prática, com exemplos de trabalhos já criados, em andamento ou que estão sendo ainda gestados.
 
-Modelo proposto para determinação automática dos níveis de tensão em telejornais.
-Frequência do tempo de exibição das emoções no vídeo.
Este artigo aborda o problema de análise de níveis de tensão em telejornais, por meio do reconhecimento automático multimodal de emoções em seus participantes. Para tanto, a metodologia proposta faz uso de métodos computacionais do estado da arte para processamento e análise de expressões faciais, bem como modulações sonoras de falas. Este trabalho tem como objetivo contribuir para o estudo semiodiscursivo de telejornais e suas práxis enunciativas, auxiliando, por exemplo, na identificação das estratégias de comunicação de tais programas. Nesse contexto, apresenta-se a caracterização do problema no âmbito dos estudos da chamada análise do discurso das mídias e os métodos computacionais para o reconhecimento multimodal de emoções a partir dos conteúdos audiovisuais dos vídeos associados aos programas. Além disso, descreve alguns dos principais trabalhos relacionados, a metodologia empregada, a descrição do corpus utilizado e alguns dos resultados experimentais alcançados.
 
This article is a mapping of Brazilian universities that maintain a structured work for Science Journalism and / or the dissemination of science. It analyses the strategies used by the top 50 Brazilian universities for including dissemination of science in their communication activities. In order to do this each institution’s website was examined for the purpose of collecting a large sample size of universities that organize and prioritize the dissemination of science and science journalism, and make their studies and projects available to the public. The dissemination of science is a priority for only 15 universities; ones that have structured science journalism programs. 11 of these universities are among the top 25 in the country which indicates that there is a direct relationship between academic quality and dissemination of science. Thus, this study lends to a deeper understanding of the field of science journalism.
 
Diversos autores reconhecem o importante papel que o jornalismo exerce para gerar accountability. Contudo, a forma exata pela qual a imagem contribui para desencadear dinâmicas de prestação de contas permanece praticamente inexplorada. Com este pensamento em mente, este estudo apresenta uma exploração teórica acerca do potencial das imagens videográficas para provocar debates públicos, sustentando processos de accountability. A partir de um caso de extrema violência da polícia militar – o “Evento da Favela Naval”, ocorrido em Diadema, São Paulo, Brasil – os autores analisam como o telejornalismo constrói as denúncias de abuso de poder policial e enquadra as controvérsias acerca da atribuição de responsabilidades. Diversas dimensões de accountability são tratadas em diversos contextos competitivos em que se debate sobre o significado desse escândalo, decorrente da divulgação das vídeo-imagens. Este estudo desafia noções correntes de que as vídeo-imagens fazem degenerar a esfera pública.
 
Top-cited authors
Ana Cabrera
Teresa Mendes Flores
  • Universidade NOVA de Lisboa
Carla Martins
  • Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias
Gabriela Gruszynski Sanseverino
  • Paul Sabatier University - Toulouse III
Stuart Allan
  • Cardiff University