César Augusto Guimarães Finger

Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria da Boca do Monte, Rio Grande do Sul, Brazil

Are you César Augusto Guimarães Finger?

Claim your profile

Publications (66)2.97 Total impact

  • Source
    Cláudio Thomas, César Martins Andrade, Paulo Renato Schneider, César Augusto Guimarães Finger
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: This work aimed at comparing volume estimates with bark, obtained with equations originated from data of the stem measurements with bark and stem analysis without bark, respectively. The base of information for the development of this study was obtained in forest of Pinus taeda L. in the municipal district of Ponte Alta do Norte, Santa Catarina, being composed by two hundred and forty trees measured with bark in different ages, which were selected aleatorily and distributed by diameter class. Another source of data was obtained with the stem analysis without bark of thirty sample trees, distributed among averages and dominant. Mathematical models were tested for each source of data, in order to select the one of better adjustment and precision, with base in the selection criterion of the Score Pondered Value of the Statistical Parameters (VP). The result of VP revealed the equation of Schumacher-Hall as the most appropriated one in the estimate of the volume for the respective sources of data. The comparison between the estimates of volume of the adjusted models starting from data of the stem measurements with bark and of the stem analysis without bark was accomplished with the test Qui-square, which demonstrated that there area no significant differences to be significant difference among the them allowing to affirm that it is possible to obtain the volume with bark starting from an equation generated with volume data without bark, obtained through the stem analysis.
    Ciência Florestal (ISSN: 0103-9954) Vol 16 Num 3. 01/2010;
  • Source
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: In this work, the growth and the yield of a Pinus echinata Mill. stand were studied. The stand was implanted in 1996 in spacing of 3,0 x 2,0 meters, at Boqueirão do Leão, in Rio Grande do Sul, Brazil. For the study, 6 sample units were installed, and 6 trees of average diameter and dominant height were cut down for trunk analysis. Results indicated that the species presents a good growth in diameter, height and volume. At 12 years-old, the stand presented an average diameter of 18.4 cm, an average height of 12.6 m, a dominant height of 14.1 m, a basal area of 42.3 m2.ha-1, total volume with rind of 248.2 m3.ha-1 and an average annual increment of 20.7 m3.ha-1.yr-1. These initial findings indicate that the species bears a great potential for growth, what enables it to thrive in some regions of Rio Grande do Sul.
    Ciência Florestal (ISSN: 0103-9954) Vol 19 Num 1. 01/2009;
  • Source
    César Augusto G. Finger, Paulo Renato Schneider, Jorge Euclides M. Klein
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: No presente trabalho foram comparadas a produção volumétrica, caracterizada pelo volume total com casca, e pelo volume comercial sem casca e, o diâmetro e alturas médias de brotações e árvores originadas de sementes, aos sete anos de idade em povoamentos de Eucalyptus grandis. O experimento constou de 6 tratamentos e 4 repetições em delineamento de blocos casualizados. Os tratamentos testados foram: 80% de sobrevivência de cepas (trat. 1); 80% de sobrevivência de cepas mais 20% de interplantio (trat. 2); 60% de sobrevivência de cepas (trat. 3); 60% de sobrevivência de cepas mais 40% de interplantio (trat. 4); 40% de sobrevivência de cepas (trat. 5); 40% de sobrevivência de cepas mais 60% de interplantio (trat. 6). Os resultados mostraram que as produções, tanto de volume total, como do volume comercial, nos tratamentos 1, 2 e 4 não diferiam estatisticamente pelo teste Duncan ao nível de 5% de probabilidade, sendo a maior produção encontrada no tratamento 1. O diâmetro e altura média mostraram tendência de crescimento com o aumento da percentagem de falhas, não tendo sido observadas diferenças entre os valores destas variáveis para as brotações e para o interplantio dentro de um mesmo tratamento.
    Ciência Florestal. 01/2009;
  • Source
    Paulo Renato Schneider, César Augusto Guimarães Finger
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: O presente trabalho teve como objetivo estudar, para povoamentos de Pinus elliottii E., o desenvolvimento de parâmetros dendrométricos em função da altura dominante e fator de área basal, expresso pela razão da área basal remanescente e a área basal máxima de uma testemunha sem desbaste. A produção máxima, dos regimes de desbaste determinados, foi obtida com uma fator de área basal de 0,65, significando que se pode desbastar um povoamento em até 35% de sua área basal, em relação a uma testemunha sem desbaste. A produção máxima obtida foi de 877 e 933 m³ com casca por hectare, para rotações de 20 e 22 anos, respectivamente, para um número inicial de 2400 árvores por hectare, no sítio médio da região de estudo, com altura dominante de 23,7 metros, aos 20 anos. Os regimes de desbaste para um fator de área basal de 0,55, com redução de até 45% da área basal, em relação a uma testemunha sem desbaste, permitiu obter produções totais com perdas de, aproximadamente, -10%, mas com ganhos significativos de incremento diamétrico.
    Ciência Florestal. 01/2009;
  • Source
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: This work was developed with the purpose of studying the efficiency of the models which express the density-diameter relationship in stands of Pinus taeda L., handled in full and highly stocked density. For that, Reineke, Yoda, Zeide and Tang models were adjusted. Such models relate the density of trees per hectare, considering the average diameter through data originated from 50 permanent portions, measured every year until the age of 18, implanted in spacing of 1.5x1.0 and 2.0x1.0 meters and kept in full density. Results indicate that all density and diameter models and self-thinning presented good statistical precision; however, the Tang model was more efficient than the others, presenting excellent coefficient of determination (0.99), low standard error of the estimative (0.0948), low variation coefficient (1.17%), low trend (0.0086) and high efficiency (0.8976), in the estimate of the values of density of trees per hectare for medium diameter, with in good residual distribution of the number of trees per hectare in function of the average diameter of the stand.
    Ciência Florestal (ISSN: 0103-9954) Vol 18 Num 4. 01/2009;
  • Source
    Araldo De Cesaro, Otto Arli Engel, César Augusto Guimarães Finger, Paulo Renato Schneider
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: No presente trabalho foram comparados os métodos de amostragem de Área Fixa, Relascopia e de seis Árvores, através do critério de eficiência relativa. O estudo foi realizado em povoamento de Pinus sp., inventariado, pelos três métodos de amostragem, para um erro máximo admitido de 10% da média do volume e 95% de probabilidade de confiança. Os resultados mostraram ser mais eficiente o inventário conduzido com unidades amostrais de área fixa ; enquanto o método da relascopia alcançou 80% e, o de seis árvores 60% de eficiência em relação ao primeiro, tendo sido levantadas, respectivamente, 9; 13 e 31 unidades de amostras, e totalizando 228; 326 e 336 minutos para alcançar a precisão desejada.
    Ciência Florestal. 01/2009;
  • Source
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: No presente trabalho foi estudado o crescimento inicial do Eucalyptus dunnii Maiden sob o consórcio de Zea mays L. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso com 3 repetições e 7 tratamentos. Os tratamentos foram definidos para o Eucalyptus com e sem adubação consorciado com milho com adubação, e ambas espécies em monocultura adubado. A análise realizada demonstra que a adubação do Eucalyptus resulta em aumento na altura e diâmetro do coleto aos sete meses do plantio e que esta diferença não persiste aos 14 meses; o crescimento em altura do Eucalyptus não sofre interferência da concorrência do milho, mas o crescimento em diâmetro do coleto é afetado pela concorrência do milho. A produção de grãos de milho não é afetada pelo consórcio com Eucalyptus.
    Ciência Florestal. 01/2009;
  • [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: No presente trabalho foram estudadas a influência do espaçamento inicial sobre a produção de madeira e casca verde por hectare em acacia-negra (Acacia mearnsii De Wild). O experimento foi instalado em blocos casualizados, com 4 repetições e 3 tratamentos, definidos pelos espaçamentos entre plantas de 1 x 1 m, 3 x 1,33 m e 3 x 2 m. Os resultados permitiram concluir que quanto menor o espaçamento maior a produção de madeira e casca verde por hectare, porém com um menor diâmetro médio e maior mortalidade.
    Ciência Florestal. 01/2009;
  • Source
    Paulo Renato Schneider, César Augusto Guimarães Finger
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: O presente trabalho estudou a influência da intensidade de desbaste sobre o desenvolvimento da altura média e dominante de povoamentos de Pinus elliottii E., submetidos a quatro tratamentos de desbastes 25, 50 e 75 % da área basal da testemunha sem desbaste, além da testemunha sem desbaste. Os resultados obtidos permitiram concluir que a intensidade do desbaste influi no desenvolvimento da altura média e não no da altura dominante.
    Ciência Florestal. 01/2009;
  • Source
    André Felipe Hess, Paulo Renato Schneider, César Augusto Guimarães Finger
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: The present work aimed to study the natural stand of Araucaria angustifolia (Bertol.) Kuntze growth in diameter in function of the age, in Medium Plateau, Leans Superior of the Northeast and Mountain of the Southeast phytogeographics areas of Rio Grande do Sul. For this, the Backman's growth equation had been used, showing to be efficient with application of dummy variables, allowing identifying differences in growth for the studied areas, having the need of separating equations to each place, what allowed minimizing the estimates errors. The obtained results demonstrate that in each area the species presented form and differentiated diametric growth. In the Southeast Mountain, the average annual increment in diameter had been 0,96 cm/year at 33 years; in the Medium Plateau, 0,95 cm/year at 22 years; and in the Northeast Superior Hillside, 1,04 cm/year at 20 years-old, indicating a good potential of medium growth.
    Ciência Florestal (ISSN: 0103-9954) Vol 19 Num 1. 01/2009;
  • Source
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: Este trabalho teve como objetivo avaliar diferentes modelos de afilamento do fuste de Pinus taeda para estimar variáveis de interesse ao longo do fuste. Foram avaliadas as funções propostas por Anony, Kozak, Munro, Silva & Sterba, Prodan e o Polinômio de 5° grau. O estudo teve como base dados de cubagem rigorosa de 68 árvores, provenientes de plantios com idade de 25 anos, pertencentes à empresa Florestal Gateados Ltda, localizada no município de Campo Belo do Sul, Santa Catarina (SC), Brasil. A partir das estatísticas coeficiente de determinação ajustado (R2aj), erro padrão das estimativas (Syx), desvio médio, média das diferenças (md) e desvio padrão das diferenças (dpd) foi selecionado o Polinômio do 5° grau para estimar as variáveis ao longo do fuste, como a altura comercial, o volume comercial, os diâmetros e os volumes das 1ª e 2ª toras. Em relação à altura comercial, a equação proveniente do modelo escolhido apresentou resultados sem tendências e com erros oscilando em intervalo pequeno. Em se tratando do volume comercial, pode ser observada certa tendência em subestimativas para as árvores com menores DAP e uma leve tendência para aquelas árvores com maior DAP. Em relação ao diâmetro e ao volume da 1a tora, houve superestimativa dos valores, mas com erros baixos, principalmente para o diâmetro. Para as estimativas do diâmetro e do volume da 2ª tora, os resultados foram melhores do que os encontrados na 1a tora, com leve tendência em subestimar o diâmetro e, praticamente, sem tendência para o volume.
    Ciência Rural 12/2008; 38(9):2506-2511. · 0.38 Impact Factor
  • Source
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: This work was accomplished with the objective of predicting the parameters of probabilistic density function for thinning stands of Pinus taeda , in the south of Brazil, with the purpose of obtaining the prognosis of the frequencies per unit of area by diameter class. The parameter from Weibull function was estimate through nested regressions with independent variables that express the density of population. Results of the adjustment of the probabilistic density function of the frequencies per diameter class, in the first and second thinning, and cut, presented an excellent statistical precision, with good estimates of values and population density per diameter class. The values prognostic of the probabilistic density per diameter class, considering situations different density and age from the population, showed an excellent precision, with values close to those ones observed.
    Ciência Florestal (ISSN: 0103-9954) Vol 18 Num 3. 01/2008;
  • Source
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: Sometimes the express wood volume in stere needs to be converted into cubic meter. This is possible estimating a cubication factor (Fc). With the objective of determining the Fc for Eucalyptus grandis and its variation in wood pieces of different lengths of 1 and 2,3m due to time of exposure to the environment, in the summer and in the winter, six stacks of woodpiles were made in the dimensions 3x2x1m and six piles in the dimensions 3x2x2, 3m, installed in the summer and in the winter. Medium Fcc's obtained by the reason of volumes presented smaller variation in comparison to the ones obtained by angular counting. The statistical analysis indicated difference (α < 5%) in the variables of the main effect, that is: in the climatic station (F = 18.72), in the time of exhibition (F = 6.51) and in the length of the stacks (F = 35.18). The analysis of the correlation indicated that Fc was also influenced by the top cracks, by the humidity of the wood and by the atmospheric variability. The average values of Fcc's indicated a stabilization after ninety days of the installation of the piles. The stacks of Eucalyptus grandis presented dimensional variation when exposed to the atmosphere, making the Fc to vary in the time of exhibition at environment.
    Ciência Florestal (ISSN: 0103-9954) Vol 18 Num 1. 01/2008;
  • Source
    César Martins Andrade, César Augusto Guimarães Finger, Cláudio Thomas, Paulo Renato Schneider
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: The variation of the annual growth in different heights of the stem of Pinus taeda L. was studied through the stem analysis, accomplished in dominant and medium stratum trees. Cross sections were collected along the stem from 9 sample trees on the base, breast height diameter (BHD) and after these positions, at every meter. The sampling was constituted of 4 trees coming from Canela, Rio Grande do Sul, in a 17-years-old stand, submitted to one thinning, and 6 trees from Ponte Alta do Norte, Santa Catarina, in a 34-years-old stand, submitted to five thinnings. The results, expressed in percentage of the basal area increment in several positions of the tree height, showed strong variation in the annual deposition of wood along the stem in function of the populational density, characterizing the effects of the competition and of the thinning liberation. Trees subjected to the competition showed larger growth on top parts of the stem, while trees under smaller competition presented larger growth on lower positions, easily identified by the form and inclination of the increment curves.
    Ciência Florestal (ISSN: 0103-9954) Vol 17 Num 3. 01/2007;
  • Source
    Eduardo Pagel Floriano, Müller Ivanor, César Augusto Guimarães Finger, Paulo Renato Schneider
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: A medição da altura das árvores é de extrema importância para o planejamento da produção florestal. Geralmente, é realizada por meio de amostragens por causa do tamanho das populações e das próprias árvores. Medições ao longo do tempo formam séries de dados temporais que implicam em certos problemas para o ajuste de equações que descrevam sua evolução. Muitos modelos de equações foram desenvolvidos com essa finalidade, sendo que neste trabalho são utilizados modelos lineares, logarítmicos, não-lineares linearizáveis e não-linearizáveis para descrever a altura ao longo do tempo. As estatísticas utilizadas para comparação entre modelos são o coeficiente de determinação (R²), a estatística Cp de Mallows, o critério de informação de Akaike (Akaike’s information criterion – AIC), o quadrado médio dos resíduos (QMres) e a análise gráfica de resíduos. O objetivo deste trabalho foi desenvolver um exemplo de ajustamento de equações de crescimento para altura, verificar quais se adaptam melhor aos dados populacionais e determinar que critérios de seleção, entre os utilizados, têm mais relação com o verdadeiro melhor modelo. Para tanto, foi utilizada uma amostra de 64 árvores, provenientes de uma população de 531 árvores de Pinus elliottii Engelm. Nesse caso, as estatísticas da amostra são comparadas com as estatísticas da população, demonstrando qual modelo descreve melhor os dados da população. A qualidade do ajuste dos dados da população aos estimados por cada modelo foi avaliada pelo teste Qui-Quadrado e análise gráfica dos resíduos. O uso do critério de Akaike (AIC) mostrou-se adequado na seleção de modelos para os dados utilizados. As duas melhores equações foram a equação h = b0 + b1.t + b2.t5 e o modelo de Chapman-Richards, que não apresentaram diferenças significativas entre si para os critérios analizados. Nesse sentido, o critério de Akaike, calculado para os dados amostrais, mostrou-se eficiente como critério de seleção de equações para descrever a altura das árvores ao longo do tempo, para a população utilizada neste estudo. A generabilidade, calculada pelo teste Qui-Quadrado em relação à população, não mostrou diferença significativa entre os modelos 3 e 9. A seleção final, usando-se os critérios qualitativos de ligação do modelo com o processo estudado, sua interpretabilidade e compreensibilidade, determinou a escolha do modelo de Chapman-Richards como o melhor para descrever o crescimento em altura das árvores estudadas.
    Ciência Florestal. 01/2006;
  • Thomas Cláudio, César Martins Andrade, Paulo Renato Schneider, César Augusto Guimarães Finger
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: Este trabalho teve como objetivo comparar estimativas de volume com casca, obtidas com equações originadas partindo de dados da cubagem com casca e análise de tronco sem casca respectivamente. A base de informações para o desenvolvimento deste estudo foi obtida em povoamentos de Pinus taeda L. no município de Ponte Alta do Norte, Santa Catarina, sendo composta de duzentos e quarenta árvores cubadas com casca em diferentes idades, as quais foram selecionadas aleatoriamente e distribuídas por classe de diâmetro. Outra fonte de dados foi obtida com a análise de tronco sem casca de trinta árvores-amostra, distribuídas entre médias e dominantes. Foram testados modelos matemáticos para cada fonte de dados, afim de selecionar o de melhor ajuste e precisão, com base no critério de seleção do Valor Ponderado dos Escores dos Parâmetros Estatísticos (VP). O resultado do VP revelou a equação de Schumacher-Hall como mais adequada na estimativa do volume para as respectivas fontes de dados. A comparação entre as estimativas de volume dos modelos ajustados, partindo de dados da cubagem com casca e da análise de tronco sem casca, foi realizada com o teste Qui-quadrado, que demonstrou não haver diferença significativa entre elas, permitindo afirmar que é possível obter o volume com casca com base em uma equação gerada com dados de volume sem casca, obtidos pela análise de tronco.
    Ciência Florestal. 01/2006;
  • Source
    Tonini Helio, Paulo Renato Schneider, Cesar Augusto Guimarães Finger
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: Este trabalho foi desenvolvido com o objetivo de estudar o crescimento em altura dominante de clones de Eucalyptus saligna Smith e construir curvas de índice de sítio fazendo uma comparação com curvas construídas para povoamentos da mesma espécie originados de mudas por sementes. A análise das tendências de crescimento em altura dominante indicaram a necessidade de se construir três sistemas de curvas de índices de sítio monomórficas em função do clone e do tipo de solo. A comparação com as curvas de índice de sítio existentes no mesmo local de estudo, para povoamentos de Eucalyptus saligna originados de mudas por sementes indicou que elas, de maneira geral, não poderiam ser utilizadas para os clones estudados.
    Ciência Florestal. 01/2006;
  • Source
    Eduardo Pagel Floriano, Ivanor Müller, César Augusto Guimarães Finger, Paulo Renato Schneider
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: Mesuring trees' height is very importance for planning forest production. Usually, it is accomplished through samplings due to the size of the populations and the size of the trees themselves. Measurements along time form a time series data with some problems for the adjustment of equations to describe its growth. Several models were developed with that purpose. The equations used in this paper were linear, logarithmic, and non-linear models. The statistics used for comparison of those models were the determination coefficient (R2), Cp of Mallows, Akaike's information criterion (AIC), Schwarz's Bayesian criterion (SBC/BIC), squared mean of residues and the graphic analysis of residues. The objective of this work was to develop an example of adjustment of growth equations for height, to demonstrate which one adapts better to the population data and to determine which selection criteria have more relationship with the better true model. To do so, a sample of 64 trees was used, submitted to the trunk analysis, from a population of 531 trees of Pinus elliottii Engelm. The statistics of the sample were compared to the statistics of the population, demonstrating which model describes better the data of the population. Quality of the adjustment to the population's data of each model was evaluated through the Chi-square test and graphic analysis of residues. The Akaike's information criterion (AIC) was appropriated to select models for the data. The two better equations were h=b0 + b1.t + b2.t5 and Chapman-Richards' growth model, which showed no significant differences for the chosen criteria in this study. In this sense, the Akaike's information criterion (AIC) calculated to the sample data showed efficiency as an equations' selection criterion to describe the height of the trees along the time for the population used in this study. The generability, calculated by Qui-square test, in relation to the population, didn't show significant difference between models 3 and 9. Final selection, using the qualitative criteria of connection of the model to the studied process, its interpretability and comprehensibility, determined the choice of the Chapman-Richards' model as the best to describe the height growth for the studied trees.
    Ciência Florestal (ISSN: 0103-9954) Vol 16 Num 2. 01/2006;
  • Source
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: A mortalidade de povoamentos de Acacia mearnsii De Wild. foi estudada tomando por base parcelas permanentes estratificadas em diferentes espaçamentos e sítios. Os resultados permitiram concluir que a probabilidade de mortalidade (PM) pode ser estimada por meio de uma função probabilística em relação ao inverso do diâmetro à altura do peito (d) e da idade (t): PM = {1+ EXP (-9,5593 . d-1 + 104,9543 . t-1)}–1. Mediante a correlação de Pearson, verificou-se uma alta associação entre a taxa de mortalidade com a idade, diâmetro médio, altura média, altura dominante, área basal, volume e espaço vital. Constatou-se que a mortalidade está diretamente relacionada com a idade, qualidade do sítio e espaço vital em determinada fase de crescimento das árvores no povoamento.
    Ciência Florestal. 01/2005;
  • Source
    Müller Ivanor, César Augusto Guimarães Finger, Paulo Renato Schneider
    [Show abstract] [Hide abstract]
    ABSTRACT: No presente trabalho, foi estudada a forma de tronco do Eucalyptus grandis Hill ex Maiden, com base em 261 árvores cubadas, cobrindo diâmetros entre 8,0 cm e 74,0 cm ao nível do dap (diâmetro à altura do peito) originadas de florestas de propriedade da Aracruz Celulose S. A., localizadas em hortos florestais da Depressão Central e do Escudo Sul-Riograndense, no Rio Grande do Sul, para a determinação de volume e formação de sortimentos de madeira em duas classes: serraria, compreendendo toras com diâmetro na ponta fina superior a 25,0 cm com casca e com comprimentos de 5,60 metros, 4,20 metros e 2,80 metros, priorizando a formação de sortimentos com o maior comprimento; indústria, para troncos ou porções destes com diâmetros entre 8,0 cm e 25,0 cm com casca. O polinômio do quinto grau, tendo como variável dependente os diâmetros relativos (di/d) e independente as alturas relativas (hi/h), foi selecionado para descrever a forma, com estratificação dos dados em três classes de diâmetro à altura do peito: diâmetro até 20,0 cm; entre 20,0 cm e 30,0 cm e maiores que 30,0 cm, com coeficientes de determinação superiores a 0,97 e erro padrão da estimativa inferior a 6,2 %, permitindo estimar o volume absoluto e relativo dos sortimentos por integração da função de forma. O ajuste do modelo para o conjunto de árvores cobrindo toda a amplitude de diâmetros gerou um coeficiente de determinação igual à 0,98 e erro padrão da estimativa igual a 6,54 % permitindo também selecionar o modelo para ajuste da forma e obtenção dos sortimentos.
    Ciencia Florestal 01/2005;