Article

Avaliação do módulo de elasticidade longitudinal em peças estruturais de Pinus Caribaea

VÉRTICES 01/2012; 14:137-145.

ABSTRACT Atualmente, a norma técnica NBR 7190/1997 (Projeto de Estruturas de Madeira) não faz referência a ensaios que visem à determinação das propriedades de rigidez e resistência em peças de dimensões estruturais de madeira serrada, restringindo-se esta análise a corpos-de-prova de pequenas dimensões e isentos de defeitos. O presente trabalho tem como objetivo, apresentar uma metodologia alternativa de cálculo para a determinação do módulo de elasticidade longitudinal em peças estruturais de madeira serrada, baseada no Método dos Elementos Finitos, juntamente com uma técnica de otimização. Os resultados encontrados para as madeiras Pinus caribaea mostram que a metodologia proposta pela norma brasileira pode também ser empregada em peças de dimensões estruturais maiores. Palavras-chave: Madeira serrada. Método dos Elementos Finitos. Método dos Mínimos Quadrados. The current standard NBR 7190/1997 (Project of Timber Structures) makes no reference to tests for determining the stiffness and strength in parts of structural lumber; restricting the analysis to bodies-of-tests with small dimensions and without defects. This paper presents an alternative method to determine the longitudinal modulus of elasticity in timber beams, based on the Finite Element Method, as well as the Inverse Analysis Method with an optimization technique. Results show that the methodology proposed by the Brazilian standard can also be applied to pieces of structural dimensions.

1 Bookmark
 · 
132 Views

Full-text

View
177 Downloads
Available from
May 31, 2014